14 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Bodyspace e os palcos: 24 concertos em 2016

 

 

Matt Elliot em Março, na Casa Independente, em Lisboa; a britânica Sylvie Lewis em Abril no Café au Lait, no Porto. O gambiano Mbye Ebrima no Maus Hábitos, Porto, em Maio. Em Maio também, a canadiana Ora Cogan na Casa Independente, Lisboa. A espanhola Le Parody no Serralves em Festa. As brasileiras Andreia Dias e Barbara Eugénia, os portugueses Tulsa e João Pais Filipe & Pedro Pestana e os brasileiros Graveola e o Lixo Polifônico em Junho e Julho no Café au Lait. Os espanhóis Caxade e o brasileiro Castello Branco na Feira do Livro do Porto em Setembro. Na D’bandada, como é costume, também em Setembro, com Lourenço Crespo, SALLIM, The Miami Flu, Galgo e Marvel Lima – no Café au Lait, Porto. 
 
A canadiana Hannah Epperson no Maus Hábitos e na Casa Independente em Outubro. Nobat e Mendrugo ainda em Outubro no Café au Lait. Em Novembro levamos a brasileira Labaq ao Café au Lait e o norte-americano William Tyler à Casa Independente. A fechar 2016, fomos com a espanhola Le Parody ao Maus Hábitos, no Porto.
 
Não somos de todo uma promotora mas, ano após ano, vamos ganhando cada vez mais o gosto pelo palco. Foram ao todo 24 concertos realizados/agendados este ano. Muito mais do que em 2015, em que subimos ao palco 14 concertos.
 
E já estamos a preparar 2017.
 
No dia 7 de Janeiro levamos o brasileiro Marcelo Perdido ao Café au Lait, naquela que será a sua estreia absoluta em Portugal.
 
Vemo-nos por aí?
 
 

Periodicidade Diária

sexta-feira, 7 de agosto de 2020 – 01:14:39

Pesquisar

Como comprar fotos

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...