“All Of Me” - o novo single da Orquestra de Jazz do Douro

 

 

A Orquestra de Jazz do Douro é uma formação inspirada nas Big Bands do passado e tem com refêrencia as grandes Orquestras de Jazz da atualidade. Promove continuamente a investigação, a formação e a divulgação na área do jazz instrumental e com vozes e apresenta repertórios com diferentes estéticas de várias épocas do jazz. 
 
Sempre com o foco de aperfeiçoar e evoluir, a ex-libris da ACROLATin  (Associação Cultural e Recreativa da Orquestra Ligeira – A Transdouriense) tem participado estágios de formação sobre Jazz – contando com um trabalho intensivo, assim como, vários workshops & Masterclasses sobre Jazz e improvisação, na aprendizagem da linguagem do Jazz, destacando-se nomes de peso da música nacional e internacional como Laurent Filipe, Marco Sannini, José Menezes, Filipe Melo, Pedro Moreira, Gonçalo Marques e Paulo Gomes.
 
Ao longo da sua existência, a Orquestra já realizou inúmeras atuações em vários municípios e teatros nacionais, tendo sido a mais recente no Douro Jazz 2019 promovido pelo Teatro de Vila Real.

 

 

A composição da formação do Douro é de 21 músicos e maestro distribuídos por 4 naipes de instrumentos musicais: saxofones (5), trompetes (4), trombones (4), secção rítmica - guitarra, bateria, percussão, baixo ou contrabaixo e piano - (5) e vozes (3).
 
O reportório da Orquestra conta como estilo principal um reportório com origem no jazz e interpretações jazzísticas de músicas do mundo.
 
Uma visão do passado no presente, a Orquestra de Jazz do Douro embeleza os ouvidos do público com o seu ritmo descontraído, quente e contagiante.
 
No dia 29 de outubro, a Orquestra de Jazz do Douro vai fazer o público apaixonar-se por “All Of Me”, o novo single do grupo, cheio de boa disposição.

 

 

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...