13 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

CCDTCM Amadora

Centro de Cultura e Desporto dos Trabalhadores
 da Câmara Municipal da Amadora
 
 
Fundado em 1984, o Centro de Cultura e Desporto dos Trabalhadores da Câmara Municipal da Amadora tem tem como primeiro objectivo proporcionar aos seus associados e familiares a satisfação de interesses relacionados com o seu bem-estar, contribuindo para uma melhor ocupação dos respectivos tempos livres, através da prática de actividades culturais, recreativas, sociais e/ou desportivas.
 
Exemplos disso, são a recente bateria de testes (indíce de massa corporal, etc) que, juntamente com o ginásio Viva Fit, pretendeu consciencializar os trabalhadores para os benefícios da prática de exercício físico e de uma alimentação equilibrada, ou as caminhadas semanais organizadas no Complexo Desportivo Municipal do Monte da Galega..
 
 
 
"A Direcção é formada por um presidente e quatro directores que coordenam as áreas que lhes estão distribuídas: a área administrativa e financeira, a área cultural e recreativa, a área desportiva e a área social. Só tomámos posse no ano passado. Pegámos no Centro após uma paragem de actividade de seis anos e encontrámos uma situação complicada que, pausadamente, temos vindo a ultrapassar", afirma José Rodrigues, presidente da Direcção do "CCD".
 
 
 
Das actividades desenvolvidas em 2007, o director destaca "uma viagem ao Alentejo (Barragem do Alqueva), a participação no 22.o Torneio Cidade da Amadora em atletismo (com o apoio da empresa Veigas Imobiliária), onde, no final, ficámos em 9.º lugar, a organização do 1.º Torneio de Futebol de 11 CCDTCMA, com a participação de quatro equipas, pertencentes às forças vivas do Concelho, (PSP. Bombeiros Voluntários e Hospital Amadora/Sintra)". "Participámos, ainda, no torneio de futsal R.A.9, um evento que contou com a participação de 33 equipas e já este ano, ganhámos um torneio inter-municipal de futsal, inserido na Semana SOS Racismo".
 

 
A vertente social é outra das grandes apostas do CCDTCMA. Por essa razão, enquanto não pode pôr em prática outras ideias (como a existência de um "centro de dia" para convívio dos ex-colegas, por exemplo), o Centro tem vindo a celebrar protocolos com diversas entidades (médicas, etc), sempre com o intuito da prestação de um serviço aos seus associados, que, neste momento, ultrapassam a centena e meia e pagam dois euro por mês.

A concluir, José Rodrigues afirma que " a nossa maior satisfação é podermos ser úteis e contribuirmos para a satisfação dos nossos colegas em geral".
 
 
 

Periodicidade Diária

sábado, 25 de maio de 2019 – 04:52:30

Pesquisar

Vamos ajudar a Oksana

Maryna Sribnyak
IBAN: PT50 0035 0614 0000 9327 930 65
SWIFT: CGDIPTPL
clicar na imagem para saber mais

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...