13 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

José Pedro Coelho: “Um PT de Andebol ajuda transformar pontos fracos em pontos fortes”

 

José Pedro Coelho é Personal Trainer de Andebol.

 

José Pedro Coelho foi Atleta Semi-Profissional de Andebol de 2000 até 2014 e foi jogador além fronteiras, tendo representado clubes de Espanha, Roménia, Angola e Brasil. Representou por 25 vezes a Seleção Nacional e somou vários títulos nacionais – foi campeão nacional pelo FC Porto 3 vezes, clube pelo qual venceu, também, uma Supertaça de Portugal e uma Taça da Liga.

Atualmente, continua ligado à modalidade, mas optou por uma vertente totalmente diferente: é Personal Trainer (PT) de Andebol. “Ser Personal Trainer de Andebol surge da junção da minha formação académica com a experiência profissional que adquiri como atleta semi-profissional de Andebol e como PT. Em 2003 terminei a Licenciatura em Ciências do Desporto e de Educação Física com opção de alto rendimento no andebol, em 2012 a pós graduação em treino personalizado pela MANZ, altura em que iniciei a minha atividade profissional como PT. Enquanto atleta semi-profissional de a ndebol tive a oportunidade de ser treinado por alguns dos melhores treinadores portugueses, bem como alguns dos melhores do estrangeiro”, começa por contar o próprio. “É então neste contexto que surgiu a ideia de ser PT de Andebol, com o objetivo de treinar os jovens atletas de uma forma individual e específica, ajustada à posição em que jogam, e às suas características físicas, para que se desenvolvam determinadas potencialidades no jogador que dificilmente são trabalhadas no treino coletivo”.

O treino de PT de Andebol complementa o trabalho efetuado nos clubes de Andebol potenciando as capacidades individuais de cada atleta. José Coelho falou mais especificamente sobre o modo como é feito esse trabalho: “Seguindo uma metodologia de treino específica e direcionada, o PT de Andebol visa a evolução das componentes técnicas, táticas coordenativas e mentais do jogador de andebol, potenciando capacidades de atletas alvo, exponenciando os seus pontos fortes e desen volvendo um leque de capacidades que lhe permita tornar-se num jogador mais completo”.

José Pedro Coelho trabalha atualmente no FitMix Studio, conceito diferente dos ginásios comuns. O treino divide-se em duas partes, explica o PT: “A primeira parte é feita no Fitmix Studio, onde é realizado todo o trabalho físico, desde o aumento da força até à prevenção de lesões; a segunda parte é feita num Pavilhão, onde é realizado um trabalho tendo em conta a melhoria das capacidades técnico-táticas individuais”.

“Um PT de Andebol ajuda transformar pontos fracos em pontos fortes, a potenciar os pontos fortes e a aumentar a confiança e a auto-estima”, acrescenta. Este trabalho é feito com base em dois pilares: o Treino Físico e o Treino Técnico Tático. “No Treino Físico, é realizado um plano específico para cada atleta em função das suas características e necessidades e todo o treino é supervisionado, no sentido de corrigir alguma má postura ou algum peso desadequado ao atleta; no Treino Técnico Tático, o atleta vai ter a possibilidade de realizar repetidamente os exercícios em que tem pior desempenho no sentido de os aperfeiçoar, de desenvolver novos remates e diferentes passes e de melhorar 1x1 e 2x2 - tanto a nível de finta como as próprias trajetórias. Em suma, poderá melhorar todo aquilo em que tem dificuldades e aprimorar o que já faz bem”, explica o Personal Trainer.

José Pedro Coelho destaca ainda a importância do treino individuai: “Num treino coletivo muitas vezes não é possível treinar as características específicas do atleta, primeiro pela quantidade de atletas envolvidos no treino e em segundo pelo tempo”.

 

Periodicidade Diária

domingo, 24 de março de 2019 – 10:44:03

Pesquisar

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...