14 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

Marchadores a postos para Zurique

São 101 os marchadores de 23 países que constam das listas finais para os Campeonatos da Europa de Atletismo de Zurique (12 a 17 de agosto) que a Associação Europeia de Atletismo divulgou no seu sítio na net.
 
 
Nos 20 km masculinos, agendados para o dia 13 (9.20 horas locais), estão inscritos 36 atletas de 17 países. Ruslan Dmytrenko (Ucrânia) possui o melhor registo com 1.18.37. O mais velho dos concorrentes é Andriy Kovenko, também da Ucrânia, que fará 41 anos em novembro próximo, enquanto o mais jovem é o 4.º espanhol inscrito, Marc Tur, de 19 anos, tal como (diferenciados por meses) Marius Šavelskis (Lituânia), Patrik Spevák (Eslováquia) e Álvaro Martín (Espanha). Nos portugueses, João Vieira e Sérgio Vieira alinharão na defesa das cores nacionais.
 
 
Nos 20 km femininos, previstos para o dia 14 (9.10 horas locais), são 31 atletas de 14 países. Vera Sokolova (Rússia) é líder nas marcas apresentadas com 1.25.08 com apenas 1 segundo menos que a sua compatriota Anisya Kirdyapkina (1.25.09). Com mais anos de idade consta a espanhola María José Poves (36 anos) e com menos, ainda júnior (19 anos acabados de completar), Anežka Drahotová (República Checa). Portugal não apresenta o habitual trio de competidoras, estando apenas inscritas Ana Cabecinha e Inês Henriques.
 
 
A concluir o programa da marcha, os 50 km masculinos marcados para o dia 15 (9.00 horas locais) com 36 atletas e a maior representatividade de nações, 19. Robert Heffernan, da Irlanda, é o detentor da melhor marca com 3.37.54. O espanhol Jesús Ángel García Bragado é o mais antigo em idade, com 44 anos (atingirá os 45 em outubro), enquanto Martin Tistan (Eslováquia) é o mais jovem (21 anos) a afrontar a distância. Pedro Isidro é o único representante português.
 
 
Com uma diferença curta (2 dias) entre os 20 km e 50 km masculinos, os únicos atletas que se encontram inscritos em ambas as provas são Aléxandros Papamihaíl (Grécia) e Erik Tysse (Noruega), restando saber se concretizarão a participação nas duas provas.
 
 
Em comparação com as mais recentes edições de campeonatos da Europa, o número de marchadores será claramente superior ao atingido em Barcelona-2010 (76), Gotemburgo-2006 (71) e Munique-2002 (86) mas não superará Budapeste-1998 (106).
 
 
 
O Marchador

Periodicidade Diária

segunda-feira, 21 de outubro de 2019 – 18:41:14

Pesquisar

Vamos ajudar!

Como comprar fotos

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...