13 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

Pedro Marques azarado na Rampa Senhora da Graça

 

 

Um pequeno toque deitou tudo a perder nesta participação na Rampa Senhora da Graça, onde Pedro Marques não conseguiu evitar e com isso provocou danos  no motor do Cupra,sendo obrigado a renunciar.

 

Mas o piloto de Braga até começou muito bem, fazendo logo na subida da warnup um tempo de 2.43.564, correspondendo ao 8º melhor tempo à geral e o segundo em termos de categoria.A primeira subida de treinos oficial, Pedro Marques não faria, para logo de seguida na segunda subida oficial de treinos  acabou por melhor o seu tempo anterior com 2.41.234, o 7º melhor tempo à geral, e o segundo em termos de categoria. Na terceira subida oficial de treinos, o piloto do Cupra volta a melhorar, conseguindo um crono de 2.38.652, o 7º na classificação geral, e de novo o segundo em termos de categoria.

 

Já na primeira subida de prova, não conseguiria melhor do que 2.41.375, correspondendo ao 10º melhor tempo à geral, e de novo o segundo em termos de categoria. Na segunda subida oficial de prova já não a faria, mas Pedro Marques explicou o que se passou “ a subida estava a correr bem, mas no posto 13, não sei o que se passou, o carro fugiu um pouco e acabei por dar um toque, mas terminei a subida. Não sabia até que ponto tinham sido os estragos, no entanto na  descida cometi um erro, pois vim com o carro a trabalhar, onde aqueceu muito, e com isso dei cabo da junta da culassa, e a partir dessa altura já não havia nada a fazer do que desistir. Foi um toque pequeno, mas a verdade é que os danos nas tubagens foram extensos, foi pena, pois estava a correr tão bem, vamos agora prepara a prova de Boticas”, disse-nos desapontado com toda esta situação.

 

 

 

Periodicidade Diária

quarta-feira, 14 de novembro de 2018 – 17:14:31

Pesquisar

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...