13 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

13.ª Volta a Portugal de Juniores Liberty Seguros - Guilherme Mota sai de amarelo da jornada dupla

 

O campeão nacional de contrarrelógio, Guilherme Mota (Alcobaça CC/Crédito Agrícola), é o novo camisola amarela da Volta a Portugal de Juniores Liberty Seguros, depois da jornada dupla hoje realizada.

 

 

O corredor da equipa alcobacense chegou ao comando graças ao tempo-canhão que lhe valeu o triunfo no primeiro setor da etapa, um contrarrelógio de 15,9 quilómetros, disputado no Sabugal. Guilherme Mota foi o único corredor a cumprir o percurso em menos de 23 minutos, completando o exercício individual em 22m41s. O segundo classificado foi o espanhol Ivan Cobo (Aseguras/Produque), a 22 segundos, e o terceiro Pedro Pinto (Silva & Vinha/ADRAP/Sentir Penafiel), a 49 segundos.

 

Depois do contrarrelógio, o pelotão voltou à estrada na tarde de hoje para percorrer 59,2 quilómetros, entre o Sabugal e Almeida. Numa tirada essencialmente plana, na qual o calor foi o maior adversário, o pelotão rolou compacto, durante grande parte da viagem, não se deixando quebrar pelas pequenas escaramuças que se verificaram.

 

 

A chegada foi ao sprint, com a vitória a ser disputada numa velocidade alucinante. Pedro Silva (Seissa/KTM Bikeseven/Matias & Araújo/Frulact) foi o mais veloz, relegando Miquel Moncho (Ginestar-Ulb) para o segundo lugar e Diogo Ribeiro (Sporting/Tavira/Formação Eng. Brito da Mana) para o terceiro posto.

 

Feitas as contas à jornada dupla, Guilherme Mota está na dianteira da classificação geral, com 8 segundos de vantagem sobre Ivan Cobo. O terceiro, a 12 segundos, é Rúben Simão (Sporting/Tavira/Formação Eng. Brito da Mana).

 

 

Quando falta uma etapa para o final da competição, todas as classificações estão em aberto. As diferenças na geral são escassas. Nas classificações por pontos e da montanha há empate entre os dois primeiros. Nos pontos comanda Yeisson Casallas (Bathco) em igualdade pontual com Pedro Silva. Luís Cabral (Vito/Feirense/BlackJack) segurou a camisola da montanha, mas tem agora os mesmos pontos do que Miquel Moncho. Na juventude a vitória no segundo setor de hoje deu o comando a Pedro Silva, mas com apenas dois segundos de vantagem sobre o segundo, André Silva (Academia Joaquim Agostinho/UDO). O Sporting/Tavira/Formação Eng. Brito da Mana) comanda por equipas.

 

As decisões ficam todas guardadas para a etapa-rainha da competição, a disputar neste domingo, entre Penamacor (12h30) e Manteigas (15h40), ao longo de 113,5 quilómetros. Duas contagens de montanha, a última das quais de primeira categoria, no Poço do Inferno, apenas a 9,6 quilómetros da chegada, compõem uma ementa de grande dificuldade.

 

 

Periodicidade Diária

quarta-feira, 14 de novembro de 2018 – 13:00:03

Pesquisar

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...