13 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

Volta a Portugal de Juniores Liberty Seguros - João Macedo vence etapa e Ivan Cobo leva a Volta

 

O português João Macedo (Sicasal/Liberty Seguros/Bombarralense) ganhou hoje a terceira e última etapa da Volta a Portugal de Juniores Liberty Seguros. O espanhol Ivan Cobo (Aseguras/Produque), terceiro na ligação de 113,5 quilómetros, entre Penamacor e Manteigas, conquistou a Volta.

 

A etapa-rainha ficou guardada para o último dia e não desiludiu, provocando nova reviravolta classificativa. O ponto decisivo foi a subida de primeira categoria para o Poço do Inferno, com o prémio de montanha colocado a 9,6 quilómetros da meta.

 

João Macedo atacou desde o sopé da subida, mas acabou por receber a companhia do colombiano Óscar Guzmán (Bairrada) e do espanhol Ivano Cobo. O trio entrou adiantado no último quilómetro, sempre a subir, com troços de grande inclinação.

 

 

O corredor da equipa bombarralense voltou a atracar e, desta vez, não teve oposição. João Macedo cortou a meta ao fim de 3h29m19s, deixando nas posições imediatas Óscar Guzmán, a 14 segundos, e Ivan Cobo, a 19 segundos.

 

“Um dos meus princípios é dar sempre luta. Partia com um atraso grande. Se quisesse recuperar, tinha de atacar no início da subida de primeira categoria. Isolei-me, mas acabei por ser ultrapassado, perto do alto, pelo corredor da Bairrada. Arrisquei na descida e juntei-me a ele, assim como o Ivan Cobo. Sentia-me o mais forte e ataquei logo no início do topo para a meta para tentar ganhar o máximo de tempo possível”, descreve João Macedo.

 

O terceiro lugar na etapa foi suficiente para que Ivan Cobo juntasse a Volta a Portugal de Juniores ao currículo. O corredor da Cantábria terminou a competição com 31 segundos de vantagem sobre João Macedo e com 59 segundos à melhor sobre Óscar Guzmán, que o acompanharam no pódio final. Guilherme Mota (Alcobaça CC/Crédito Agrícola), que iniciou a etapa de amarelo no corpo, acabou no sexto lugar.

 

 

“Sabíamos que era a etapa-rainha e que era preciso guardar forças para o Poço do Inferno, a subida mais dura. Era necessário impor um ritmo que deixasse o camisola amarela para trás. Isolei-me com outros dois corredores. Na chegada fiz o que pude que conquistar a Volta a Portugal”, explica Ivan Cobo.

 

João Macedo leva para casa as classificações de melhor júnior de primeiro ano e dos pontos. Óscar Guzmán foi coroado o melhor trepador, em igualdade pontual com Macedo, e o Sporting/Tavira/Formação Eng. Brito da Mana triunfou por equipas.

 

 

Periodicidade Diária

quarta-feira, 14 de novembro de 2018 – 13:00:12

Pesquisar

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...