13 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

Mário Costa e Joana Monteiro confirmam vitória na Taça de XCO

 

Mário Costa e Joana Monteiro (Brújula Bike Racing Team) ganharam a edição de 2018 da Taça de Portugal de Cross Country Olímpico (XCO), apesar de hoje, em Avis, terem visto Ricardo Marinheiro (Quinta das Arcas/Jetclass/Xarão) e Maaris Meier (Maiatos/Reabnorte) vencer a última prova pontuável.

 

O campeão nacional de elite, Ricardo Marinheiro, foi claramente o mais forte na pista do norte alentejano, comandando a prova desde o arranque até ao final. Marinheiro cortou a meta com 1m12s de vantagem sobre o segundo classificado, o espanhol Diego González (Sportbici/Scott). Mário Costa foi o terceiro classificado, a 3m30s.

 

 

O resultado de hoje foi suficiente para Mário Costa confirmar a conquista da Taça de Portugal na categoria de elite, com 159 pontos, mais quatro do que Ricardo Marinheiro. O terceiro, a 44 pontos de Costa, foi Roberto Ferreira (BTT Seia).

 

A estoniana Maaris Meier dominou a prova feminina de elite, vencendo com uma margem confortável sobre toda a concorrência. Joana Monteiro foi a segunda classificada, a 3m25s, e Lucia Vázquez (ProRebordosa/LROpticas/RJGroup) fechou o pódio da jornada, a 4m57s.

 

 

Joana Monteiro chegou ao final da Taça no cimo da geral, com 165 pontos. Seguiram-se Marta Branco (Maiatos/Reabnote), com 128, e Lucia Vázquez, com 123. João Rocha (Rodabike/ACRG/Gondomar) e Marta Branco sagraram-se vencedores da Taça de Portugal na categoria de sub-23.

 

Em juniores e em cadetes, triunfaram em Avis os corredores que também venceram a Taça de Portugal. Aconteceu com os juniores Rafael Rita (BTT Loulé/Elevis) e Raquel Queirós (Quinta das Arcas/Jetclass/Xarão) e com os cadetes Diogo Neves e Daniela Campos (BTT Loulé/Elevis).

 

Nas categorias de veteranos, a Taça de Portugal foi conquistada pelos master 30 André Filipe (CPR A-do-Barbas) e Ana Carvalho (Bicisintra/Biciaventura), pelos master 40 Davide Inácio (Automóveis Ribeiro/GDVP) e Filomena Paulo (Róódinhas/Santos Silva), e pelo master 50 Rodolfo Lopes (ASC/Focus Team/Vila do Conde). A Taça de paraciclismo classe D foi ganha por Fábio Luiz (Marrazes/Gui/Brejinho/BikeZone Leiria).

 

O BTT Loulé/Elevis conquistou a Taça de Portugal coletivamente.

 

 

Periodicidade Diária

segunda-feira, 24 de junho de 2019 – 18:14:07

Pesquisar

Vamos ajudar a Oksana

Maryna Sribnyak
IBAN: PT50 0035 0614 0000 9327 930 65
SWIFT: CGDIPTPL
clicar na imagem para saber mais

Reportagens fotográficas em preparação

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...