13 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

Pré-diabetes não é pré-doença. É possível mudar o rumo à doença do século XXI

 

Sabia que, em Portugal, mais de 2 milhões de pessoas sofrem de pré-diabetes? E que na Europa, até 2040, mais de 36,6 milhões de pessoas vão ser afetadas por esta condição?

 

Em pré-diabetes, os níveis de glicose no sangue são acima dos níveis saudáveis, mas não são suficientemente altos para estar na faixa dos diabéticos, indicam sim, um risco aumentado para o desenvolvimento da doença.

 

Em Portugal, quase um quinto dos portugueses, entre os 25 e os 74 anos, apresenta níveis de glicose no sangue que evidenciam pré-diabetes. Esta tendência é justificada pela incapacidade de controlar  corretamente os níveis de glicose no sangue por causa de um defeito na maneira como produzem ou respondem à insulina.

 

Cerca de 70% dos indivíduos com pré-diabetes vão eventualmente desenvolver diabetes e, destes 70%, entre 15 a 30% apresentam uma forte probabilidade de desenvolver diabetes num prazo de 5 anos. Além disso, as mulheres que têm diabetes durante a gravidez sofrem o risco, entre 20% a 60%, de num prazo de 5 a 10 anos desenvolverem diabetes.

 

Geralmente, não há sinais ou sintomas visíveis associados à pré-diabetes, o que leva a que 9 em 10 pessoas com pré-diabetes desconheçam esta condição.

 

No entanto, temos que alertar para alguns dos sintomas que podem ajudar a reconhecer esta condição:

  • Sede constante;
  • Fome constante apesar das refeições serem feitas;
  • Cansaço extremo;
  • Problemas de visão;
  • Feridas que demoram mais tempo a sarar;
  • Dormência, formigueiro e dor nas mãos/pés.

 

A pré-diabetes funciona como um alerta para o risco de desenvolver diabetes. E, como tal, são necessárias determinadas medidas como alterações no estilo de vida (prática desportiva, alimentação, entre outros) ou tratamentos médicos, de forma a controlar os níveis de glicose no sangue.  

 

 

 

 

Periodicidade Diária

segunda-feira, 19 de novembro de 2018 – 10:09:55

Pesquisar

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...