14 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

1.ª edição do Festival Geo-Graffiti em destaque este fim de semana

 

Durante este fim de semana são várias as opções para visitar em Sintra. Os destaques vão para o desporto, exposições, concertos e festivais.

 

Até dia 12 de maio, a Praia Grande é palco para o 1.º Festival Sintra Geo-Graffiti. Com o intuito de reabilitar e valorizar esta zona, é possível observar os artistas a executarem a sua arte no muro da Praia Grande. Será implementado o projeto apresentado pelo artista sintrense, RAM (Miguel Caeiro), que abordará três temas: as pegadas de dinossauros, o monumento Pré-histórico da Praia das Maçãs e o Sítio Arqueológico do Alto da Vigia.

 

A inauguração dos trabalhos elaborados durante o festival realiza-se no dia 12 de maio, pelas 11h00. Com este evento a autarquia pretende apoiar a Arte Urbana e dar a conhecer à população o que é esta expressão artística, para que seja valorizada, defendida e preservada.

 

Sintra recebe o Festival Internacional de Tunas “Alma Tunae”, nos dias 10 e 11 de maio. O festival tem inicio com a receção das Tunas, nos Paços do Concelho, às 17h00, pelo presidente da Câmara Municipal de Sintra, Basílio Horta, onde será entregue ao autarca um troféu de Membro Honorário da Tuna Universitária de Lisboa e uma capa de estudante com o símbolo da Tuna. Pelas 21h00, o Terreiro do Palácio Nacional de Queluz é palco para uma serenata.

 

No dia 11 de maio, às 15h00, realiza-se um desfile musical de Tunas, entre o Palácio Nacional de Sintra e o Centro Cultural Olga de Cadaval, onde aí atuam pelas 21h00. Todos os concertos têm entrada livre exceto o último, realizado no Centro Cultural Olga Cadaval. 

 

A Igreja de São Martinho recebe a oratória "O Messias" de Georg Friedrich Händel, inserida no Ciclo de Música Barroca de Sintra - Concertos de Primavera, no dia 10 de maio, às 21h30. Georg Friedrich Händel é um compositor incontornável do barroco musical e fazem parte da sua criação algumas das mais conhecidas obras musicais, que tanto nos impressionam com o seu virtuosismo como a expressividade e lirismos comoventes.

 

O Museu Arqueológico de São Miguel de Odrinhas realiza, de 10 a 17 de maio, às 21h30, a 17.ª Edição do Festival de Teatro de Tema Clássico. Este ano, estarão em cena três espetáculos: uma tragédia, uma comédia e um bailado de dança grega antiga. Pretende-se com esta iniciativa promover e divulgar a cultura greco-latina.

 

A exposição “Quando o Azul Aquece”, de Lucrécia Alves, inaugura no dia 11 de maio, às 16h00, na Galeria Municipal da Casa Mantero, onde ficará patente até dia 27 de julho. A artista apresenta os seus trabalhos tentando encontrar respostas para “O que sentimos ao olhar o azul? O que sentimos ao tocar algo azul?”, com o objetivo de provocar no espetador, através da perceção visual e interação física, emoções e sensações sobre a oposição/contraste entre cor e matéria. 

 

A Casa dos Hipopómatos promove, no dia 11 de maio, às 16h00, a oficina de escrita criativa para miúdos e graúdos “Dos 8 aos 80”, dinamizada por Carla Costa, fazendo a ligação das expressões e criações das várias gerações. A participação é gratuita, mediante inscrição prévia.

 

A Junta de Freguesia de Casal de Cambra em parceria com a Câmara Municipal de Sintra vão realizar no dia 12 de maio, às 9h30, o “8.º Grande Prémio de Atletismo de Casal de Cambra”. Esta será a oitava prova do calendário do Troféu “Sintra a Correr”, com partida marcada no Parque Urbano 25 de abril de 1974, em Casal de Cambra.

 

A Casa da Cultura Lívio de Morais celebra o 4.º Aniversário da atribuição do seu nome, no próximo dia 12 de maio, às 16h00. A cerimónia de comemoração conta com a presença da solista do Sintra Estúdio de Ópera, Jenny Silvestre, com o Recital de Cravo. Durante este dia poderá ainda visitar a exposição de pintura, escultura e fotografia “Retrospetiva” de Lívio de Morais.

 

O Mercado Municipal da Serra das Minas vai ser palco da 4.ª edição da Feira de Artesanato Amador do Concelho de Sintra, no dia 12 de maio, das 10h00 às 18h00, com entrada livre. O evento, além de artesanato e gastronomia, terá animação do Grupo de Bombos das Mercês e da Universidade Sénior de Rio de Mouro.

 

A exposição de fotografia “Como eu te vejo…Sintra”, de Luís Rodrigues, inaugurada nas comemorações do 25 de abril, está patente até dia 29 de junho, nos Paços do Concelho, em Sintra. Sendo um amante da Natureza e tendo como pano de fundo uma das mais belas serras de Portugal, Sintra foi desde sempre a sua maior inspiração.

 

A exposição “O Espaço Ilimitado da Pintura”, obras da coleção de Nadir Afonso está patente no MU.SA – Museu das Artes de Sintra e insere-se nas comemorações do centenário do nascimento do pintor, a 4 dezembro de 1920.

 “Agricultores e Pastores da Pré-História – Testemunhos da Região de Sintra” é a mostra que está no Museu de Odrinhas, onde se reúnem mais de 500 objetos que testemunham a densa ocupação humana de Sintra durante a Pré-história recente, ou seja, desde meados do 6.º milénio (Neolítico antigo) até finais do 3.º milénio A.C. (Calcolítico final).

 

 

 

Periodicidade Diária

segunda-feira, 16 de setembro de 2019 – 14:09:23

Pesquisar

Vamos ajudar!

Como comprar fotos

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...