14 anos ao serviço do Desporto em Portugal

Notícias

Team Cardiga estreia novo conjunto – João Castelo e Giraldo da Sernadinha

 

 

A equipa de equitação adaptada, da Academia Equestre João Cardiga/Jogos Santa Casa - AEJC/JSC, conhecida por  Cardiga Paradressage Team vai participar no CPDN, Concurso de Dressage Nacional,  que se realizará dias 27 e 28 de Maio, no Centro hípico da Costa do Estoril.

 

A novidade desta participação, é a estreia do conjunto João Castelo, com Giraldo da Sernadinha, um cavalo puro sangue lusitano, da coudelaria Santa Margarida.

 

 

O atleta, que esteve presente no internacional de França, onde obteve a classificação funcional no Grau III, apresenta-se agora com uma nova montada, ainda em fase experimental. Para além deste, o grupo será composto por; Inês Alemão Teixeira, com Lycomed, no Grau II, José Neves, com Mariola e Rita Lagartinho Oliveira, ambos do grau I.

 

Importa recordar, que este grupo se encontra motivado, em representar Portugal nos jogos paralímpicos de Tokyo 2020. Para isso, foi criado o projeto “CAVALGAR ATÉ TOKYO 2020” para o qual se pretende atrair mecenas, patrocinadores, apoiantes e simpatizantes que de alguma forma possam contribuir para fazer face aos elevados custos financeiros.  Para que este objetivo seja cumprido, a próxima etapa será a participação no Internacional de Itália, de 15 a 18 de Junho, onde os atletas esperam obter qualificação para o campeonato da Europa. Apenas Sara Duarte com Daxx, já está qualificada.

 

Para fazer face a todo o investimento do projeto “Cavalgar até Tokyo 2020”, a direção a AEJC lançou um apelo, à sociedade civil, no Facebook, convidando todos, empresas, instituições e particulares a apoiar a iniciativa, com pequenos donativos. Os contributos podem ser efetuados através do NIB Solidário PT50 0036 0019 99100078054 31, na pagina https://www.facebook.com/cavalgaratetokyo2020/.

 

Sobre esta iniciativaSegundo Lurdes Cardiga, Presidente da direção da AEJC:  “ Uma vez que o  poder politico apoia, sobretudo, o desporto de massas, parecendo indiferente ao desporto minoritário, muitas vezes mais inovador e com qualidade, as Associações tem que ser criativas, para fazer face aos desafios dos seus projetos. Apesar do enorme contributo dos Jogos Santa Casa, enquanto patrocinadores principais, os investimentos são demasiados elevados, para manter um tão grande numero de atletas com estas características.

 

 

Periodicidade Diária

segunda-feira, 18 de novembro de 2019 – 00:56:57

Pesquisar

Vamos ajudar!

Como comprar fotos

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...