15 anos ao serviço do Desporto em Portugal

Notícias

Yohan Sousa 8º classificado em Vendrell

 
A segunda prova das Series Rotax em Espanha 2013 foi muito atribulada para Yohan Sousa, dado que na Final 1, quando rodava no 7º lugar, um adversário falhou a travagem e bateu na traseira do kart do piloto português, fazendo com que este subisse pela traseira do kart que seguia à sua frente, sendo assim relegado para a 34ª e última posição… mas ainda regressou à pista e terminou no 14º lugar! O piloto da YKart Competition Team correu sempre atrás do prejuízo e regressou a Portugal com um oitavo lugar, depois de ter sido 5º classificado na Final 2, apesar de também ter sofrido um toque que o fez literalmente "levantar voo".
 
Foi a segunda vez que Yohan Sousa correu no estreito e muito técnico circuito de Vendrell, situado na Catalunha. Como se não bastasse o facto de desconhecer praticamente a pista, o jovem português sofreu um violento toque na Final 1, assim como na Final 2, que o impediu de obter uma classificação melhor, tendo terminado na 8ª posição entre 34 participantes.
 
O fim de semana começou com excelentes expetativas, mas acabou por se revelar um pouco dececionante para Yohan Sousa. Habituado a rodar nos lugares da frente, o piloto da YKart Competition Team – ao volante de um kart equipado com chassis CRG preparado por Paulo Barreiro – nos treinos livres de sexta-feira foi dos mais rápidos, confirmando esse andamento no sábado. Contudo, no domingo, conseguiu apenas a 8ª melhor marca nos treinos cronometrados.
 
Na Final 1, Yohan Sousa arrancou muito bem e passou logo para a 7ª posição, mas após a sétima curva, numa travagem forte, o piloto que rodava atrás de si, travou em cima e empurrou o kart do piloto do Entroncamento para cima do kart do sexto posicionado, tendo o bólide de Yohan Sousa se desligado, em virtude do embate. Com este incidente, o jovem português de 12 anos caiu para o 34º e último lugar, mas ainda conseguiu recuperar até à 14ª posição! Largando do 14º posto na Final 2, Yohan Sousa sofreu, logo na primeira curva, um toque na traseira que o fez literalmente "levantar voo", mas mesmo assim consegui segurar o kart na pista e viu a bandeira xadrez no 5º lugar. Na soma dos dois resultados, o piloto do Entroncamento foi 8º classificado.
 
"Estive sempre entre os mais rápidos durante o fim de semana, e nos treinos cronometrados não consegui fazer melhor que o 8º tempo, porque a traseira do meu kart estava a agarrar-se demais à pista. Corrigido esse problema, fui para a Final 1 com boas esperanças em garantir um bom resultado, mas aquele toque deixou me para o fim do pelotão. É triste de ver que os comissários de pista não tiverem a mesma atitude que adotaram em Zuera (na primeira prova) para penalizar o piloto que bateu na traseira, como quando fui eu a dar o toque. Na Final 2, deram-me mais um toque, mas consegui segurar o kart e evitei mesmo de capotar, tendo ainda conseguido terminar na 5ª posição. Mais uma vez, agradeço ao meu mecânico Paulo Barreiro que esteve sempre preocupado em encontrar o melhor ‘set up’ para o meu kart", comentou Yohan Sousa, piloto apoiado pelo McDonalds de Torres Novas e pelo McDonalds de Tomar, contando igualmente com o apoio da Escola Secundária c/ 3º Ciclo do Entroncamento.
 
O próximo compromisso – e bastante importante – de Yohan Sousa é já no próximo fim de semana, onde irá disputar a primeira prova do Campeonato de Portugal de Karting da categoria Júnior, no Kartódromo do Bombarral, sendo o piloto da YKart Competition Team um dos principais candidatos ao título este ano, embora afirme que vai tentar dar sempre o melhor em todas as corridas e esperar para ver como irá decorrer a época.
 

Periodicidade Diária

sexta-feira, 5 de março de 2021 – 21:58:46

Pesquisar

Como comprar fotos

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...