15 anos ao serviço do Desporto em Portugal

Notícias

Yohan Sousa no top-5 do Campeonato de Espanha

,
Apesar de ter corrido um motor pouco colaborante, Yohan Sousa conseguiu estar em destaque na primeira prova do Campeonato de Espanha de Karting da categoria KF3, disputada entre quinta-feira e domingo, no Circuito de Campillos, em Málaga.
 
O piloto do Entroncamento perante 23 adversários largou da segunda posição para a Corrida 1, mas depois o propulsor não estava com o rendimento desejável e foi sexto classificado, tendo na Corrida 2 terminado no quinto lugar. Ainda assim, Yohan Sousa regressou a Portugal integrado no top-5 da competição espanhola.
 
Yohan Sousa teve de batalhar muito para conseguir rodar nos lugares da frente na primeira prova do Campeonato de Espanha de Karting, pois o motor Parilla de 2011 não esteve suficientemente rápido para que pudesse lutar pela vitória, valendo-lhe um chassis Zanardi bem afinado por Paulo Barreiro para que, ainda assim, regressasse a Portugal integrado no top-5 da classificação geral do campeonato.
 
Nos treinos cronometrados, o piloto da YKart Competition Team foi o quinto mais rápido, tendo na primeira manga de qualificação, depois de rodar no sétimo posto, alcançado o quarto lugar. Na segunda manga de qualificação, Yohan Sousa conseguiu largar bem e assumiu a terceira posição para não mais a largar até final.
 
No somatório dos resultados das duas mangas de qualificação, o líder do Campeonato de Portugal de Karting da categoria Júnior assegurou a segunda posição na grelha de partida para a Corrida 1, ao lado espanhol Alex Machado Carrilo, que com um motor BMB praticamente ‘perfeito’, aliado a um chassis Zanardi, acabou por dominar todos os acontecimentos da jornada inaugural do Campeonato de Espanha de Karting.
 
Yohan Sousa ainda rodou até meio da Corrida 1 na terceira posição, mas depois o motor do seu kart, sem o rendimento desejável, fê-lo cair em definitivo para o sexto lugar. Na Corrida 2, o piloto português assumiu a quinta posição logo na partida e conseguiu segurá-la até final.
 
Apesar de tudo, Yohan Sousa mostrou-se satisfeito no final da prova:
 
 
"O chassis Zanardi estava muito bom, mas o motor não me permitia lutar por posições melhores, pois a meio de cada corrida começava a perder rendimento. O Paulo Barreiro fez mais uma vez tudo o que estava ao seu alcance, mas, de facto, com este motor Parilla de 2011, não dava para ter outro andamento. Estou, contudo, satisfeito com a minha prestação e de toda a equipa, pois mesmo com menos argumentos face à concorrência, conseguimos terminar esta primeira prova colocados entre os cinco primeiros classificados do campeonato espanhol que é um dos mais competitivos da Europa", frisou o piloto patrocinado pelo McDonalds de Torres Novas e pelo McDonalds de Tomar, que conta também com o apoio da Escola Secundária c/ 3º Ciclo do Entroncamento.

 

Periodicidade Diária

sábado, 6 de março de 2021 – 10:53:47

Pesquisar

Como comprar fotos

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...