14 anos ao serviço do Desporto em Portugal

Notícias

Fórum Nissan da Mobilidade Inteligente com participação recorde

 

 

•240 pessoas estiveram presentes no evento, que contou com governantes, especialistas e académicos;

•Nissan anuncia investimento de dois milhões de euros em 100 postos de carregamento rápido de veículos elétricos;

•Comercialização em Portugal do LEAF 3.ZERO e+ já arrancou, com maior potência (217cv) e maior autonomia com um único carregamento;

•Teatro Camões estreia Ecossistema Elétrico Nissan através da instalação de baterias de segunda vida de veículos Nissan para armazenar energia e carregar automóveis;

•Iniciativa LEAF4Trees planta 159 mil árvores no Pinhal d’El Rei.

 

A 3.ª edição do Fórum Nissan da Mobilidade Inteligente terminou com um recorde de participantes. O evento, organizado na passada quarta-feira, contou com 240 destacadas personalidades da área da mobilidade, energia e inovação em Portugal, nomeadamente os oradores Ivone Rocha, da Telles Advogados, Sofia Tenreiro, Diretora-geral da CISCO, Vera Pinto Pereira, CEO da EDP Comercial, Francisco Ferreira, Presidente da ZERO, João Pedro Gouveia, investigador na área de energia e clima da Universidade Nova de Lisboa, José Medeiros Pinto, Secretário-geral da Associação Portuguesa de Energias Renováveis (APREN) e Rui Rei, Presidente do Conselho de Administração da Empresa Municipal Cascais Próxima.

 

Da Nissan Europa estiveram presentes Francisco Carranza, Diretor dos Serviços de Energia, e o Diretor de Estratégias e Ecossistema de Zero Emissões, Brice Fabry, bem como Antonio Melica, Diretor-geral da Nissan em Portugal.

 

A abertura do Fórum contou com a presença do Secretário de Estado Adjunto e da Mobilidade, José Gomes Mendes, e o encerramento dos trabalhos foi feito pelo Secretário de Estado das Infraestruturas, Guilherme d’Oliveira Martins.

 

O dia ficou marcado por inúmeras novidades, tendo Antonio Melica anunciado um investimento de dois milhões de euros na criação de infraestruturas de carregamento rápido em Portugal. Até 2020, a Nissan irá instalar 100 postos, sendo que os primeiros 20 vão estar disponíveis a curto-prazo, numa parceria estratégica com a GALP Energia.

 

A Nissan Portugal revelou também o início das encomendas das versões 3.ZERO do LEAF, que constituem uma evolução do líder de vendas em Portugal e na Europa. Com estas novas propostas, o Nissan LEAF amplia a atração dos automóveis totalmente elétricos para um número ainda mais alargado de clientes.

 

O Nissan LEAF 3.ZERO e+ é uma edição limitada que marca a chegada de uma nova bateria de 62kWh à gama Nissan LEAF, a qual possui mais 25% de densidade, o que se traduz num aumento de 55% na capacidade de armazenamento de energia. A nova bateria recorre a 288 células, em comparação com as 192 montadas na bateria de 40kWh e oferece um aumento de 40% de autonomia em comparação com os LEAF equipados com uma bateria de 40kWh. Isto permite ao LEAF 3.ZERO e+ uma autonomia expectável de 385km* com um único carregamento. Uma evolução também patente na nova motorização, capaz de fornecer 160kW (217cv).

 

Nissan é, sempre, sinónimo de inovação. A prova disso foi o anúncio da aplicação do conceito de Ecossistema Elétrico da Nissan no Teatro Camões, em Lisboa, que serviu de palco ao evento. O modelo a instalar, em fase de estudo de viabilidade, replica o que já é um sucesso na Johan Cruyff Arena (antiga Amsterdam ArenA), o emblemático estádio do clube de futebol Ajax. O sistema baseia-se na produção de energia por painéis solares, no armazenamento em baterias usadas de veículos elétricos, nomeadamente o Nissan LEAF, e posterior utilização nas necessidades do edifício e no carregamento de automóveis elétricos.

 

Para instalar o Ecossistema Elétrico, a Nissan tem como parceiros o OPART, organismo responsável pela gestão da Companhia Nacional de Bailado no Teatro Camões, a ESTAMO, proprietária do edifício, o LNEG – Laboratório Nacional de Energia e Geologia e a ADENE – Agência para a Energia. Todas as partes envolvidas vão disponibilizar o apoio técnico, metodológico, científico e institucional necessário às diferentes vertentes do projeto.

 

«Este protocolo sintetiza a forma como encaramos o papel de líder da Nissan na mobilidade elétrica. Queremos criar sinergias para tornar real o nosso conceito de Ecossistema Elétrico. A forma como encaramos a circularidade e os atuais desafios energéticos, assim como pensamos a construção das redes, infraestruturas e cidades vão além do plano das intenções. Somos um ator presente e estamos disponíveis para debater, estudar e aplicar as soluções mais inovadoras. O Fórum Nissan da Mobilidade Inteligente é também parte desta estratégia, enquanto ponto de encontro de quem tem uma palavra a dizer na construção de um futuro melhor e mais sustentável para todos», afirma o diretor-geral da Nissan Portugal, Antonio Melica.

 

O início da ação de reflorestação do Pinhal d’El Rei, em Leiria, organizada no âmbito da iniciativa LEAF4Trees, que converte os quilómetros percorridos pelos elétricos da Nissan em árvores plantadas numa das zonas mais afetadas pelos incêndios de 2017, foi outro dos pratos fortes do dia. Cerca de 159 mil árvores vão ser plantadas naquela zona e para o início da plantação a Nissan está aberta a acolher todos os voluntários. As inscrições estão abertas a todos os interessados em https://www.nissan.pt/experiencia-nissan/veiculo-eletrico/leaf4trees.html. O dia exato desta ação dependerá da evolução da meteorologia e será anunciado no website acima.

 

Circularidade e novas formas de pensar as cidades em destaque

 

O Fórum Nissan da Mobilidade Inteligente é já um evento marcante do calendário nacional na área da Mobilidade Elétrica. Este ano, a abertura ficou a cargo do Secretário de Estado Adjunto e da Mobilidade, José Gomes Mendes, que anunciou a criação de um grupo de trabalho dedicado à condução autónoma focado, numa primeira fase, em criar condições efetivas para que Portugal integre os circuitos de testes desta forma de mobilidade.

 

Nesta área, o diretor de Serviços de Energia da Nissan Europa, Francisco Carranza, referiu que a marca já está a conquistar os clientes com a tecnologia ProPILOT, incorporada em 70% dos modelos LEAF vendidos, em Portugal, no ano passado. Outra inovação é a bateria portátil denominada Nissan Energy ROAM, que disponibiliza energia de forma prática, sem emissões e silenciosa, em qualquer lugar. O sistema inclui baterias de segunda vida recuperadas de automóveis elétricos Nissan que atingiram o final da sua vida útil e pode ser recarregado através de um acessório de painéis solares.

 

No encerramento do Fórum Nissan da Mobilidade Inteligente, o Secretário de Estado das Infraestruturas, Guilherme d’Oliveira Martins, abordou os desafios da descarbonização, tendo referido que o Governo alocou 3,5 milhões de euros para a área da mobilidade, em particular através de incentivos para a aquisição de veículos elétricos e reforço de infraestruturas.

 

 

Notas:

* Previsão de autonomia da Nissan para os testes do protocolo WLTP de ciclo combinado. Os valores finais homologados para a autonomia do LEAF 3.ZERO e+ serão divulgados mais tarde.

 

Periodicidade Diária

segunda-feira, 18 de novembro de 2019 – 21:21:24

Pesquisar

Vamos ajudar!

Como comprar fotos

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...