14 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

Único português na competição europeia de jovens talentos do motociclismo de velocidade, "Kiko" Maria apresentou projeto desportivo para 2019

 

 

Valor emergente do motociclismo nacional com temporada carregada
“KIKO” MARIA FARÁ ESTE ANO 20 PROVAS EM PORTUGAL E ESPANHA
Voltará a disputar, pela segunda vez, a European Talent Cup e repete o Nacional de Velocidade de PréMoto3 nos dois países ibéricos

 
O jovem piloto português de motociclismo Francisco (“Kiko”) Maria, vice-campeão nacional na categoria de PréMoto3, vai alinhar esta época em 20 provas, repartidas por três competições, duas das quais a disputar maioritariamente em Espanha. A primeira coincide com a jornada de abertura da European Talent Cup (ETC), considerada o principal trampolim para os jovens dos escalões de formação que ambicionam chegar ao Mundial de Moto GP, que irá ter lugar no Circuito do Estoril nos próximos dias 6 e 7 de abril. Do programa do evento constam também as primeiras corridas dos campeonatos Mundial de Moto 3 Júnior e Europeu de Moto 2
 

Nos planos do piloto, que fará 15 anos na próxima quinta-feira, primeiro dia da prova, destinado a treinos livres, estão ainda os campeonatos nacionais de velocidade de Portugal e Espanha na categoria de PréMoto3, repetindo, assim, o que fez na época de passada. A estrutura em que se apoiará será mais experimentada do que aquela que lhe permitiu discutir, até à última corrida, o título nacional em 2018. O “naming” da equipa também é novo (Moto Action Team), associando de forma mais evidente o seu principal patrocinador, a Galp, à sua promissora carreira. O outro é a Berner, referência mundial na comercialização de produtos consumíveis e ferramentas para os sectores automóvel e da construção. Na operacionalização do seu projeto desportivo, o jovem piloto conta ainda, entre outros, com os apoios da Federação de Motociclismo de Portugal (FPM) e da Fundação do Desporto.
 

Sinalizando o seu envolvimento no projeto desportivo do jovem piloto português, na respetiva apresentação pública estiveram o presidente da FPM, Vitor Marinheiro, e os diretores de marketing da Galp, João Torneiro, e da Berner, João Correia. 

“Kiko” Maria é o único português inscrito na taça europeia de jovens talentos de 2019, em que participarão mais de seis dezenas de pilotos, de 18 nacionalidades, todos eles ao volante do mesmo modelo de moto (Honda NSF 250R), equipada com motor de 250 centímetros cúbicos, a quatro tempos, e pneus Dunlop iguais para todos. Dado o número de interessados, a organização, a cargo dos espanhóis da Dorna Sports, viu-se obrigada, pela primeira vez, a dividir em duas séries os participantes, cujas idades variam entre os 12 e os 18 anos. Na primeira, estarão os 38 mais rápidos nas qualificações, que farão uma ou duas corridas, conforme o programa das provas, enquanto os mais lentos nos treinos cronometrados serão agrupados na segunda série, cumprindo apenas uma corrida.
 

“Vai ser a minha segunda época na Talent Cup e depois de um primeiro ano de aprendizagem, ambiciono terminar corridas nos pontos regularmente, para chegar ao fim, como espero, na primeira metade da tabela classificativa. Estou a trabalhar para atingir esses objetivos”, assume o jovem piloto português, nascido no Porto, mas há muito radicado em Lisboa. 
 

Com este propósito, fez valer os progressos que vem registando, de prova para prova, e o conhecimento das seis pistas onde a ETC se irá disputar (para além do Estoril, Valência, Barcelona, Aragão, Jerez e Albacete, em Espanha) e viu abrirem-se-lhe as portas da Leopard Impala Junior Team, formação cuja representação principal está envolvida no Mundial de Moto 3. Como companheiros de equipa, o piloto português vai ter o espanhol Marco Tapia e o italiano Alfano Pasquale.

 “Estou consciente dos desafios com que estou confrontado, mas sinto-me capaz de chegar ao topo, confortado com os apoios da minha família e dos meus patrocinadores, nomeadamente da Galp e da Berner. Consegui reunir as condições necessárias, finalmente, para tentar acabar corridas nos primeiros 15 e, com isso, lutar pelos pontos. Se tal se concretizar, o meu sonho ficará mais perto e Portugal terá uma visibilidade maior no motociclismo internacional”, afirma “Kiko” Maria, que se voltará a apresentar com o número 4 nas duas motos que irá pilotar esta época, por ser o seu preferido e traduzir a capicua que lhe marca a vida, por ter nascido em 4 de abril de 2004 (04.04.04).
 
• A mesma ambição nos Nacionais de Velocidade de Portugal e Espanha
 

Nos Nacionais de Portugal e Espanha de PréMoto 3, o jovem piloto utilizará uma BeÓn com motor Yamaha de 250 centímetros cúbicos. No país vizinho, e depois do 13.º lugar, entre 37 participantes, conseguido no ano passado, irá fazer todas as sete provas do campeonato, que se inicia já a 13 e 14 de abril, no Circuito de Jerez Ángel Nieto. Passará, depois, pelas pistas de Barcelona (25 e 26 de maio), Valência (29 e 30 de junho), Aragão (27 e 28 de julho), Albacete (30 de agosto e 1 de setembro) e Navarra (5 e 6 de outubro). Encerrará com uma segunda passagem por Jerez de la Frontera, em 2 e 3 de novembro.

Por seu lado, o Campeonato Nacional de Velocidade português, que para além da categoria PréMoto 3 levará aos autódromos do Estoril e de Portimão os melhores valores do nosso país em Superbike, Superstock 600, Supersport 300 e 85GP/Moto4, arranca apenas a 4 e 5 de maio. O calendário é de seis provas: quatro correr-se-ão no Estoril e duas em Portimão. Depois da abertura, haverá duas jornadas em Portimão (a 18 e 19 de maio e a 15 e 16 de junho), voltando “Kiko” Maria e os restantes pilotos do Nacional à pista cascalense nos fins de semana de 20 e 21 de julho, 21 e 22 de setembro e 26 e 27 de outubro.
 

 

Periodicidade Diária

sábado, 21 de setembro de 2019 – 10:56:48

Pesquisar

Vamos ajudar!

Como comprar fotos

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...