13 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

Liga MEO Prosurf 2012: Vasco avança e Gony é eliminado

MEO Figueira Pro já começou: Vasco avança e Gony é eliminado

Arrancou ontem na praia do Cabedelo, Figueira da Foz, a quarta e penúltima etapa da Liga MEO Prosurf 2012. Este é o circuito que define os campeões nacionais de surf masculino e feminino e que marca também o regresso dos melhores surfistas nacionais à Figueira da Foz, dois anos depois da última prova deste circuito aqui realizada. Ontem realizou-se a primeira fase da prova masculina, num dia muito longo, com uma paragem entre as 13h e as 17h, devido à ausência de ondas durante a maré cheia.

Com o check-in marcado para as 7h30, a prova masculina iniciou-se uma hora depois, contando com mais de cinquenta inscritos e ondas de cerca de meio metro a um metro. Quatro meses após a realização da terceira etapa, no Porto, a Liga MEO Prosurf 2012 entra agora na sua fase decisiva. No MEO Figueira Pro, que decorre até domingo, pode apurar-se o campeão nacional masculino. O actual campeão, Vasco Ribeiro, de 17 anos, é o principal candidato ao título novamente, depois de duas vitórias, nas etapas de Cascais e do Porto, e de um segundo lugar na Ericeira.

O atleta da Praia da Poça, S. João do Estoril, venceu o primeiro heat em que entrou, com 12 pontos (em 20 possíveis). Nesta bateria, Vasco defrontou apenas Ivo Cação, oriundo da Figueira, já que o terceiro atleta inscrito não compareceu. À saída, afirmou que este primeiro heat funcionou bem como “aquecimento”. “Agora é continuar! Espero que as condições de mantenham boas”, referiu o mais jovem campeão nacional open de sempre.

Seguem na competição Filipe Jervis, José Ferreira e Rúben Gonzalez, atletas que ainda podem colocar em risco a vitória antecipada de Vasco Ribeiro na corrida ao título. A prova prossegue hoje com a chamada para o segundo round marcada novamente para as 7h30.

Ontem, a melhor onda do dia coube a Nicolau Von Rupp, que entrou na terceira bateria do primeiro round. O jovem luso-germânico alcançou 8,75 pontos (em 10 possíveis), num heat disputado com David Raimundo e Pedro Rodrigues. “Comecei bem, o que é óptimo! Estão a quebrar umas direitas muito compridas. Normalmente demoro um pouco a aquecer, mas consegui logo este 8,75, por isso estou muito contente. Tentei fazer nos minutos seguintes mais um 9, para começar em alta, mas já não consegui. Correu bem,” disse Nicolau à saída da água.

Já o melhor heat do dia coube a outro luso-germânico: mesmo ao final de sexta-feira, Marlon Lipke alcançou 14,50 pontos (em 20 possíveis) na sua bateria do primeiro round. O atleta confessou que já não vinha à Figueira há mais de dez anos: “Estou numa road trip com o Gony [Zubizarreta] e o Nicolau [Von Rupp], e a última vez que estive cá estava ainda a competir como esperança (sub-18). Hoje, correu bem, estou contente com o resultado... também porque estou motivado, depois de ter ganho em Espanha”, disse. Marlon Lipke referia-se à sua vitória no Cabreiroa Pantin Classic Pro, um campeonato do Circuito Mundial "Star" da ASP, onde superou o francês Joan Duru, o brasileiro Bino Lopes e o australiano Ty Watson na final.

Destaque no dia de ontem ainda para a eliminação de Gony Zubizarreta, que se encontra na 6ª posição no ranking da Liga MEO Prosurf. O atleta galego, residente em Portugal, ficou em último lugar no quarto heat do dia, vencido por Miguel Blanco. Gony, que era apontado como um dos favoritos, chegou a duas fases finais na Liga MEO Prosurf 2012, acabando por ser derrotado por Vasco Ribeiro nas meias-finais de Cascais e na final do Porto. Agora acabou por ficar pelo caminho logo no primeiro dia e na primeira ronda deste MEO Figueira Pro.

Entre as senhoras, a prova feminina está marcada para hoje, com chamada ao meio-dia. A também campeã nacional, Maria Abecasis, lidera o ranking, já com quatro finais mas apenas uma vitória. A muito jovem Keshia Eyre segue-a agora de bastante perto, após a vitória na quarta prova feminina do ano (um evento especial, realizado recentemente, em Ílhavo), a sua segunda em 2012.

Também aqui na Figueira da Foz decorre a terceira e última prova a contar para a MINI Triple Crown. Este é um troféu especial dentro da Liga MEO Prosurf 2012 e que conta com os resultados de três etapas: Cascais, Porto e Figueira da Foz. O melhor atleta masculino, no cômputo geral de três das suas etapas, terá o usufruto, durante um ano, de um automóvel MINI Coutryman. À melhor feminina é atribuído outro automóvel MINI. Vasco Ribeiro lidera claramente no masculino, com duas vitórias, em Cascais e no Porto e já afirmou que quer mesmo este prémio, pois está quase a fazer 18 anos. No feminino, Francisca Santos venceu uma etapa e Maria Abecasis outra, estando assim ambas empatadas.

Entretanto, e apenas para os atletas masculinos, está também em jogo um lugar no Top 10 do Moche Wildcards, uma competição especial que, em cada etapa, contabiliza a melhor onda dos últimos 16 atletas em prova e define dez vagas para o campeonato de triagens que atribui um wildcard no Rip Curl Pro, em Peniche, a única etapa do principal circuito mundial de surf que se realiza em Portugal, em Outubro. Vasco Ribeiro também lidera este troféu, com Justin Mujica (que não compareceu nesta etapa na Figueira) no segundo posto, Frederico Morais no terceiro, Filipe Jervis no quarto e Ruben Gonzalez no quinto. Gony Zubizarreta, João Guedes, José Ferreira, Eduardo Fernandes e Marlon Lipke completam o actual Top 10.

  

Periodicidade Diária

quinta-feira, 18 de julho de 2019 – 07:56:09

Pesquisar

Vamos ajudar a Oksana

Maryna Sribnyak
IBAN: PT50 0035 0614 0000 9327 930 65
SWIFT: CGDIPTPL
clicar na imagem para saber mais

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...