13 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

Liga MEO Prosurf: Vasco Ribeiro e Francisca Santos vencem no Guincho

alt
 
O campeão nacional em título, Vasco Ribeiro, de 17 anos, venceu a categoria masculina do TVI Cascais Pro, a segunda etapa da Liga MEO Prosurf 2012, que terminou, na Praia do Guincho, com boas ondas de 1,5m.

Três semanas após um segundo lugar na etapa inaugural, na Ericeira, Vasco cimentou a sua liderança do surf nacional vencendo de forma contundente a segunda prova e preparando assim da melhor forma a sua participação no Mundial Júnior por selecções, que se realiza na próxima semana, no Panamá, onde vai participar com o objectivo de conquistar o título mundial.
 
alt

Gostei muito desta etapa, que teve um alto nível de surf,” afirmou o vencedor. “Fui fazendo o melhor que sei ao longo das várias fases, tentando gerir o esforço, mas na final sabia que tinha de dar tudo, por isso fiquei muito satisfeito com o 8.5 e o 9 que consegui obter dos juízes nas minhas duas melhores ondas. Acho que estou preparado para o Panamá!,” concluiu sorridente o agora líder do ranking nacional.
 
 Na final, com a segunda maior pontuação de toda a prova – 17.50, Vasco derrotou o galego Gonzalo Zubizarreta, wildcard no TVI Cascais Pro e residente em Portugal, que obteve uns óptimos 15.25, ainda assim. Gony, como é conhecido o simpático surfista de Vigo, aceitou o convite que lhe foi lançado pela Associação Nacional de Surfistas e ficou muito impressionado com o que encontrou.
 
alt

Este é, de longe, o melhor circuito nacional de surf da Europa! Fiquei muito bem impressionado, tanto a nível de estruturas como de surf, por isso quero voltar a competir na Liga MEO Prosurf 2012, sempre que não coincida com as etapas do circuito mundial. Estou satisfeito com o segundo lugar, pois o Vasquinho esteve muito forte na final e eu talvez tenha atingido o meu pico de forma nas meias-finais,” concluiu Gony, que já foi Top 20 do circuito mundial de qualificação.

Zubizarreta referia-se à segunda meia-final onde derrotou o local Ruben Gonzalez, o único tetra-campeão nacional de surf, graças a uma pontuação final de 16 pontos.
 
alt
 
Com este terceiro lugar, Ruben melhorou em relação à sua prestação na Ericeira (5º colocado), mantendo-se assim nos lugares cimeiros do ranking nacional.

O outro terceiro classificado foi um dos atletas que mais impressionou ao longo da prova, derrotando alguns nomes de peso presentes nesta etapa.
 
alt
 
Depois de ter deixado para trás o luso-germânico Marlon Lipke e o Top 3 nacional Eduardo Fernandes, Jervis fez uma bateria impressionante, nos quartos-de-final homem-a-homem, derrotando ninguém menos que o vencedor da primeira etapa, Frederico Morais, com a melhor onda e a maior pontuação do TVI Cascais Pro, respectivamente 10 e 18.25 pontos, para dois tubos incríveis! Nas meias-finais, não resistiu à pressão de Vasco Ribeiro, que acabaria por derrotá-lo.

Outro destaque nos quartos-de-final foi Nicolau Von Rupp, que encontrou uma onda excelente, de 9 pontos, mas não conseguiu uma segunda onda ao mesmo nível, acabando por ser derrotado também pelo vencedor da prova, mais consistente na bateria. Nicolau foi assim quinto classificado, a par de Frederico Morais, Justin Mujica e José Ferreira, que também voltaram a conseguir boas prestações.
 
alt

Na prova feminina, Francisca Santos regressou às vitórias na Liga MEO Prosurf, derrotando na final do TVI Cascais Pro a campeã nacional em título, Maria Abecasis, a local do Guincho e boa surpresa nesta etapa, Camilla Kemp, bem como a campeã nacional de 2009, Joana Rocha, respectivamente segunda, terceira e quarta classificadas.
 
alt

Maria Abecasis lidera o ranking nacional feminino, uma vez que nenhuma das restantes finalistas da primeira etapa estiveram presentes nesta final. Ana Sarmento não participou na etapa; Keshia Eyre e Constança Coutinho ficaram-se pelas meias-finais.

O mar estava difícil para nós, devido à corrente, mas consegui aplicar a minha estratégia, que era atacar desde o primeiro minuto e ir gerindo a partir daí. Estou obviamente feliz com a vitória e motivada para o resto do ano... e para a MINI Triple Crown também!,” afirmou a campeã, que esteve ausente na etapa anterior.

De facto, Francisca Santos e Vasco Ribeiro lideram agora a MINI Triple Crown, um troféu especial dentro da Liga MEO Prosurf, que atribui o usufruto de um automóvel MINI Coutryman ao melhor atleta masculino e outro automóvel MINI à melhor atleta feminina no cômputo geral de três das suas etapas – Cascais, Porto e Figueira da Foz, em 2012.

Apenas para os atletas masculinos, está também em jogo um lugar no Top 10 do Moche Wildcards, uma competição especial que, em cada etapa, contabiliza a melhor onda dos últimos 16 atletas em prova e define dez vagas para o campeonato de triagens que atribui um wildcard no Rip Curl Pro, em Peniche, a única etapa do principal circuito mundial de surf, que se realiza em Portugal, em Outubro

Assim, no TVI Cascais Pro, Filipe Jervis conseguiu colocar a primeira onda de 10 pontos nesta competição paralela, Nicolau Von Rupp e Vasco Ribeiro colocaram uma onda de 9 pontos cada, Gony Zubizarreta colocou uma de 8.75 e Frederico Morais acrescentou uma onda de 8 pontos ao que já tinha conseguido na primeira etapa.

O TVI Cascais Pro foi certamente uma das provas mais impressionantes dos últimos tempos no Surf Nacional,” afirmou Francisco Rodrigues, presidente da Associação Nacional de Surfistas. “Um desafio para todos os envolvidos, em especial para os surfistas, com Francisca Santos a levar de vencida a batalha nas exigentes ondas do Guincho e Vasco Ribeiro a ter uma prestação de alto gabarito na final. Parabéns aos dois e um conselho: guardem bem estes nomes, que muito longe vão levar as cores de Portugal!,” concluiu em jeito de balanço.

Uma sensação partilhada por Miguel Janz Guerra, do MEO, para quem “esta prova foi um novo sucesso naquilo que pretendemos que seja a Liga MEO Prosurf 2012.

Os melhores surfistas nacionais voltam a reunir-se daqui a sensivelmente dois meses, dias 25, 26 e 27 de Maio, no Porto, para a terceira etapa da Liga MEO Prosurf 2012, que conta com uma premiação monetária bruta de 5000€ (4000€ para a prova masculina e 1000€ para a feminina).

A Liga MEO Prosurf 2012 é uma organização da Associação Nacional de Surfistas e da Spot da Media Capital Entertainment, com o patrocínio do MEO, do Moche e da MINI, os media partners TVI, Cidade FM, Go-S.TV, GTV e Puro Feeling, bem como os apoios do Sapo.pt, Surftotal, Surf Portugal, ONFIRE, Beachcam, Oceanlook e SurFisio.  
 
Fotos de Pedro Mestre  
 
alt

Periodicidade Diária

terça-feira, 21 de maio de 2019 – 02:58:58

Pesquisar

Vamos ajudar a Oksana

Maryna Sribnyak
IBAN: PT50 0035 0614 0000 9327 930 65
SWIFT: CGDIPTPL
clicar na imagem para saber mais

Reportagens fotográficas em preparação

- Lisboa Belém Open

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...