14 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

Azores Eurosurf 2013: Hugo Pinheiro e Ruben Gonzalez campeões da Europa/ Rodrigo Herédia e Catarina Sousa conquistam prata e bronze

Hugo Pinheiro e Ruben Gonzalez conquistaram a medalha de ouro no Eurosurf 2013, que ontem terminou, na praia de Santa Bárbara, S. Miguel, Açores. Os dois atletas portugueses sagraram-se assim campeões da Europa em Bodyboard Open e Surf Senior, respectivamente.

 

“Eu sabia que havia uma esquerda boa mais para o meio da praia, que ia começar a funcionar com a maré mais cheia,” adiantou Hugo Pinheiro. “Apostei nessa zona e acabei por conseguir fazer as minhas duas melhores ondas no início.

Depois foi gerir o primeiro lugar, que não foi fácil, mas acabei por conseguir o título, o meu segundo neste tipo de competição. Quero dedicá-lo à minha mulher e à equipa técnica da selecção, que é a melhor do mundo! Obrigado Zé Manel, Duda e Pedro,” concluiu feliz o primeiro atleta da selecção portuguesa a conquistar o título.

 

Logo a seguir foi a vez da grande final de Surf Senior, com Ruben Gonzalez a dominar por completo, conseguindo um score final de 16 pontos, o mais alto do dia, e deixando os adversários a necessitar de notas muito altas, ou mesmo de duas ondas, para ultrapassá-lo.

 

“Foi uma final muito boa, onde tudo deu certo para mim,” comentou Ruben. “Senti-me quase transportado no tempo, a reviver outras conquistas com a selecção, ainda como júnior. Fiquei muito satisfeito com a minha performance e com o espírito colectivo que transportámos até ao fim,” reflectiu radiante Gonzalez, que volta assim a ser campeão da Europa, 17 anos depois de ter conquistado o título junior Sub-18.

 

Catarina Sousa foi medalha de bronze em Bodyboard Senhoras, depois de ter dominado praticamente toda a final. A minutos do fim da bateria, a alemã Alexandra Rinder e a francesa Anne Cécile Lacoste apanharam duas ondas que lhes garantiram o ouro e a prata, respectivamente, relegando Catarina para o terceiro posto.

 

Rodrigo Herédia, em Surf Master, conquistou a medalha de prata, atrás do espanhol Dani Garcia, que apanhou a melhor onda da final nos segundos iniciais e praticamente garantiu ali a sua medalha de ouro. O francês Boris Le Texier, ex-campeão europeu, foi medalha de bronze.

 

“Aquela primeira onda do Dani foi crucial para a decisão do título,” afirmou Herédia. “Mas não está mal, sobretudo depois de me ter magoado no joelho esquerdo ontem, o que me dificultou um pouco a execução de algumas manobras… de uma forma geral, este Eurosurf correu bastante bem, teve uma excelente adesão das equipas e contou com muito bom ambiente e boas ondas. No final, as decisões foram justas, sobretudo atendendo ao excelente nível de surf a que assistimos,” conclui Rodrigo, também responsável pela organização do evento.

 

Nas finais de Surf Senhoras e Surf Open, sem a presença de atletas portugueses, decidiu-se o título geral do Eurosurf 2013, com vantagem para a selecção francesa, que colocou atletas seus no primeiro lugar de ambas as categorias.

Nas senhoras, a ex-campeã mundial júnior, Alizée Arnaud, não deu hipóteses, conquistando o ouro e deixando a sua compatriota Maud Le Car com a prata. No Surf Open a disputa foi mais equilibrada, com o francês Vincent Duvignac no primeiro lugar e o espanhol Gony Zubizarreta no segundo, a apenas uma décima de ponto do ouro.

 

“O sucesso destas três semanas aqui nos Açores é a confirmação da aposta no surf enquanto vector de promoção turística da região,” afirma Vitor Fraga, Secretário Regional do Turismo e Transportes. “Uma aposta que é para manter e que queremos ver reforçada,” concluiu.

 

 

Periodicidade Diária

domingo, 20 de outubro de 2019 – 23:38:13

Pesquisar

Vamos ajudar!

Como comprar fotos

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...