13 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

Espinho Surf Destination 2019 - Edouard Delpero e Alice Lemoigne vencem Longboard Pro Espinho

 

Portuguesa Raquel Bento termina num honroso terceiro lugar

 

 

Os atletas franceses Edouard Delpero e Alice Lemoigne venceram hoje o Longboard Pro Espinho, o primeiro evento da sexta edição do Espinho Surf Destination 2019.

 

 

Debaixo de um céu ameaçador de cinzento e de uma chuva fria, os melhores longboarders da Europa aproveitaram as boas ondas que se formaram hoje na Praia da Baía, precisamente devido a esse vento frio, que soprou numa direcção mais propícia à sua formação, para concluir a primeira etapa mundial da modalidade a contar para o título europeu.

 

Em boas ondas de 1,5m a 2m, os cabeças-de-série número um acabaram por confirmar o seu favoritismo, vencendo o Longboard Pro Espinho com as melhores prestações de toda a prova.

 

 

Numa repetição da final do ano passado, Edouard Delpero voltou a superiorizar-se ao inglês Ben Skinner, um crónico finalista e vencedor de provas em Portugal e múltiplas vezes campeão europeu.

 

 

Neste caso, o melhor ficou mesmo guardado para o fim, com a última bateria da prova a ser a mais pontuada e equilibrada entre os dois melhores atletas de todo o evento.

 

Mas foi novamente o francês, vice-campeão mundial em 2017 e autor de nove das dez melhores ondas da prova, a sair vitorioso, confirmando a vontade que tinha demonstrado antes do evento.

 

 

Estou muito satisfeito por ter conseguido cumprir o objectivo a que me propus, que era vencer aqui pelo segundo ano consecutivo! Foi novamente muito duro, fisicamente, mas a final com o Ben foi bastante divertida. Com mais duas etapas na Europa, este vai ser um ano muito bom. Queria muito ter feito uns tubos, mas não consegui... acho que vou ter de regressar a Espinho para o ano,” afirmou sorridente o vencedor.

 

Nas meias-finais, em terceiro lugar ex-aequo, ficaram o também francês Benoit Carpentier e o italiano Federico Nesti, enquanto os melhores portugueses, os campeões nacionais

 

 

João Dantas (na foto), Diogo Gonçalves e João Gama, terminaram os três em quinto lugar, a par de outro atleta francês, Clement Roseyro. O wildcard local, Eduardo Ribeiro, foi nono classificado.

 

Nas senhoras, a actual quinta classificada no ranking mundial, Alice Lemoigne, venceu uma final 100% gaulesa, batendo a sua compatriota Zoe Grospiron numa final muito equilibrada.

 

 

Alice confirmou o seu favoritismo e acrescentou mais uma vitória inédita ao seu currículo, apesar da boa réplica de Grospiron (na foto), que aqui fez uma final no circuito mundial pela primeira vez.

 

 

As condições estavam pesadas, por isso estou muito feliz por ter vencido aqui, com bons scores,” afirmou a jovem francesa da Ilha Reunião. “A final não foi, claramente, a minha melhor bateria, pois já estava bastante cansada. Estou muito satisfeita por ter feito a final com a Zoe, que é uma jovem bastante promissora. Espero voltar a fazer finais com ela e agora vou treinar para as próximas etapas, para me qualificar para Taiwan,” concluiu.

 

Nas meias-finais, em terceiro lugar ex-aequo ficaram a inglesa Emily Currie e a portuguesa Raquel Bento, deixando em quinto lugar a campeã nacional Kathleen Barrigão, a par da britânica Beth Leighfield, da italiana Francesca Rubegni e da holandesa Nienke Duinmeijer.

 

 

Foi o meu melhor resultado de sempre,” comentou Raquel, de apenas 18 anos. “Estou muito satisfeita com a minha prestação, até porque só perdi para a campeã da etapa. Aprendi muito e agora quero tentar a minha sorte nas restantes etapas do circuito. Vou a Inglaterra, à Galiza e a Nova Iorque, dar o meu melhor e tentar qualificar-me para o mundial de Taiwan, no final do ano,” concluiu a jovem estudante de desporto, que é igualmente filha de Luís “Lufi” Bento, ex-campeão nacional e um dos shapers de longboard mais conceituados do mundo.

 

Terminado o Longboard Pro Espinho, o Espinho Surf Destination segue amanhã com a última etapa do Circuito de Surf do Norte, que se estende para terça-feira, seguido do Surf Pro Espinho, primeira etapa na Europa do circuito mundial de surf Pro Junior (sub-18).

 

Além das competições de surf, o Espinho Surf Destination 2019 conta ainda com diversas actividades para públicos diferenciados, quer na já essencial Sponsors Village, como também numa nova área de diversão, que inclui uma PumpTrack, de acesso gratuito a todos os visitantes. Existirá ainda uma mostra de cinema de surf, workshops de fotografia, exposições, baptismos de surf, aulas de surf adaptado e aulas de fitness, entre outros.

 

O Espinho Surf Destination 2019 é uma organização da GPDESIGN Brand Communication e da Câmara Municipal de Espinho, com o patrocínio da Câmara Municipal de Espinho, da Solverde, Castros Iluminações, Padaria Pepim, Mercedes Nasamotor, McDonalds, Somersby, Pedras e Vitalis, os apoios da Comercial Tec, Manipura, Nacional, MEO, Ereserv PumpTrack, Go Healthy, Unkeeper, Terra Viva e Greencoast Surfschool, tendo como media partners o Fuel TV, o Porto Canal, a Mega Hits, Surftotal, BeachCam e ONFIRE.

 

 

Periodicidade Diária

quarta-feira, 22 de maio de 2019 – 15:29:28

Pesquisar

Vamos ajudar a Oksana

Maryna Sribnyak
IBAN: PT50 0035 0614 0000 9327 930 65
SWIFT: CGDIPTPL
clicar na imagem para saber mais

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...