João Pereira voltou a ser o melhor português em prova na última etapa do Campeonato do Mundo de Triatlo. O triatleta do Sport Lisboa e Benfica terminou a finalíssima em 13º lugar e fechou o circuito internacional WTS na 12ª posição. A prova que teve lugar em Cozumel, México, ficou marcada pelas duras condições climatéricas que condicionaram a competição e testaram a capacidade de todos os atletas em prova.

 

O 5º classificado nos jogos Olímpicos do Rio de Janeiro disputou a prova desde os seus momentos iniciais e registou um dos 10 melhores parciais no segmento de corrida. Contudo, a vantagem conquistada por alguns elementos na frente da competição não permitiu que João Pereira conquistasse mais lugares e terminou na 13º posição. A comitiva lusa foi composta por João Silva, 25º classificado, e por Pedro Palma e Miguel Arraiolos que não terminaram a prova.

 

Henri Schoeman (RSA) foi o melhor triatleta no final do dia depois de um colapso nos últimos metros por parte do então líder da prova, Jonathan Brownlee. O britânico cortou a meta em segundo lugar, ajudado pelo irmão Alistair, terceiro. Depois de alcançar o 5º lugar no dia de ontem, o espanhol Mario Mola conquistou pontos necessários para se sagrar Campeão do Mundo de Triatlo. Jonathan Brownlee terminou o circuito em segundo e o espanhol Fernando Alarza completou o pódio do Mundial.