O dia de hoje, 5 de Março, fica marcado pela disputa do Campeonato Nacional de Grupos de Idade de Duatlo. Parte integrante da 17ª edição do Duatlo do Cadaval a prova que apurou os novos campeões de grupos de idade contou com a presença de duas centenas de duatletas.

 

Ao longo de 4,9km de corrida inicial, percorrida nas ruas da Vila, 23km de ciclismo com a região do Oeste como pano de fundo e 2,5km de corrida final, os duatletas procuraram conquistar o título Nacional nos 14 escalões etários disponíveis. Ana Filipa Santos, Rio Maior Triatlo, e David Coelho, SFRAA Triatlo, foram os grande vencedores da prova, em termos absolutos. Contudo, sendo esta uma prova de grupos de idade, será de frisar a conquista do título de 14 novos campeões nacionais em masculinos e de 9 campeãs nacionais femininas.

 

Nesse sentido, sagraram-se campeões nacionais de grupos de idade de Duatlo de 2017 os seguintes atletas: Raquel Dias, CNCVG, e João Protásio, Sport Lisboa e Benfica, em 16-17 anos; Sara Ganchas, Teleperformance – Os Belenenses, e Leonardo Aniceto, Sport Lisboa e Benfica, em 18-19 anos; Hugo Silva Pereira, Teleperformance – Os Belenenses, em 20-24 anos; Marlene Silva, Associação Mozinho Aventura, e João Jesus, Amiciclo Grândola, em 25-29 anos; Liliana Veríssimo, Núcleo do Sporting da Golegã, e Nuno Pereira,  GCA Donas – Triatlo, em 30-34 anos; Ana Filipa Santos, Rio Maior Triatlo, e David Coelho, SFRAA Triatlo, em 35-39 anos; Ana Lopes, Sporting Clube de Portugal, e Rui Narigueta, Outsystems Olímpico de Oeiras, em 40-44 anos; Fernanda Marques Santinha, Clube Oriental de Lisboa, e Joaquim Carlos Lopes, Boavista FC, em 45-49 anos; Maria João Lima, Associação Académica de São Mamede, José Mario Ribeiro, Peniche A. C., em 50-54 anos; Graça Corvino, Vela de Tavira, e Carlos Gomes, Outsystems Olímpico de Oeiras, em 55-59 anos; Fernando Feijão, Clube Millenniumbcp, em 60-64 anos; Vitor Campos, DAR-Recardães, em 65-69 anos; Carlos Leite,  A. C. R. Ribeira, em 70-74 anos; e Carlos Matias,  AMCR Fonte Grada, em 75-79 anos.

 

Deve-se assinalar o notável número de clubes que subiram ao lugar mais alto do pódio. Foi um total de 20 instituições que foram representadas pelos novos campeões de 2017. Fator que deixa a Federação de Triatlo de Portugal orgulhosa pela diversidade e dinamização da nossa modalidade.

 

O Cadaval também recebeu a realização de uma Prova Aberta destinada a todos os interessados em participar. Carla Barbosa e  Diogo Serralheiro, Rio Maior Triatlo, foram os primeiros a cortar a meta após os 2km de corrida, 11,5km de ciclismo e 1km de corrida final que compuseram o desafio.

 

O Duatlo do Cadaval foi um evento organizado pela Câmara Municipal do Cadaval e pela Federação de Triatlo de Portugal que procurou oferecer, mais uma vez, a possibilidade de participar em competições nacionais, promovendo o espírito competitivo e de união que é tão característico da nossa modalidade.