13 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

27 e 28 de abril todos os caminhos vão ter a Quarteira

 

Domingo, 28 de abril, o XVIII Triatlo de Quarteira recebe a terceira etapa da Taça de Portugal de Triatlo

 

No dia 28 de abril,  pelas 11h30, volta-se a disputar mais uma etapa da Taça de Portugal, desta vez em Quarteira, numa competição que já se tornou clássica e que é uma das mais competitivas do calendário nacional.

 

Integrada na 18ª edição do Triatlo Cidade de Quarteira Carlos Gravata, a prova conta com excelentes percursos em todos os segmentos, quer nas condições para os atletas, quer no que diz respeito ao apoio do público, apresentando um dos melhores cenários para a assistência do público.

 

Os triatletas farão um triatlo na distância sprint com o seguinte percurso: uma natação com 750 metros num percurso circular de uma volta com partida na praia junto ao Hotel D. José e chegada no mesmo local. O ciclismo que conta com 20km de um percurso circular de três voltas que será realizado nas principais avenidas de Quarteira, numa segmento integralmente disputado em asfalto maioritariamente plano com alguns retornos apertados. A corrida de 5000 metros terá um percurso de ida e volta composto por duas voltas e realizado na zona pedonal da Av. Infante Sagres e zona residencial de Quarteira. Os atletas irão correr num percurso plano, em calçada e asfalto, com a meta instalada junto do Hotel D. José.

 

Esta prova, que pontua para a Taça da Portugal, é neste momento liderada, em masculinos, pelo Estoril Praia Credibom e o OutSystems Olímpico de Oeiras, dois clubes que se encontram empatados, e em femininos, é a Escola de Triatlo Santo António de Évora que está à frente.

 

Periodicidade Diária

sábado, 25 de maio de 2019 – 05:09:23

Pesquisar

Vamos ajudar a Oksana

Maryna Sribnyak
IBAN: PT50 0035 0614 0000 9327 930 65
SWIFT: CGDIPTPL
clicar na imagem para saber mais

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...