15 anos ao serviço do Desporto em Portugal

Notícias

Alinghi consolidou a liderança ao segundo dia de competição

 

A equipa suíça Alinghi teve uma prestação quase perfeita e consolidou a liderança no segundo dia de competição das Extreme Sailing Series™, a decorrer em Lisboa.

A tripulação da Alinghi, liderada pelo veterano co-skipper Arnaud Psarofaghis, só perdeu três pontos numa pontuação máxima de 60, conquistando duas vitórias e três segundos lugares, e num dia em que competiram nas mais variadas condições de vento, desde os suaves 5-7 nós mas com uma maré forte, até aos 15 nós que se fizeram sentir ao final do dia, mais que suficientes para ver os catamarãs GC32 levantar “voo” nas águas do Tejo.

A equipa suíça tem já 14 pontos de vantagem sobre o seu adversário mais próximo, a NORAUTO powered by Groupama Team France e a competir nas Extreme Sailing Series pela primeira vez, e 22 pontos à frente do seu mais direto rival, a Oman Air, até agora líder da competição.

Mas, com dois dias de corridas ainda pela frente, incluindo uma final no domingo em que a pontuação vale a dobrar, e com previsão de bons ventos para os próximos dias, Psarofaghis deixou bem claro que sua equipa não se pode dar ao luxo de ser complacente: “Estamos muito felizes, conseguimos grandes resultados. É bom estar na frente, mas a regata ainda não está ganha, mesmo com uma vantagem de 14 pontos, pois tudo pode ser perdido em duas corridas, não esquecendo que no domingo a pontuação da última corrida conta a dobrar”.

Morgan Larson, skipper da Oman Air, conquistou outra vitória para a sua equipa mas caiu em desgraça com os árbitros, quando foi penalizado na segunda corrida do dia, não conquistando nenhum ponto. Foi um golpe cruel para a Oman Air que ao fim do dia os fez cair para terceiro lugar da classificação geral, atrás da Alinghi e da Red Bull Sailing Team.

Frustração foi também o sentimento que dominou a equipa SAP Extreme Sailing Team, que lutou para terminar na metade superior da tabela. Mesmo tendo ganho a última corrida do dia, caiu para o sexto lugar da classificação geral, logo a seguir à equipa da casa Sail Portugal – Visit Madeira.

As palavras do seu co-skipper Jes Gram-Hansen foram esclarecedoras: Felizmente para nós o vento mudou ao fim do dia e ganhámos uma bela última corrida. Sabemos que podemos velejar bem em condições mais agressivas. Nós somos Vikings, somos do Norte e gostamos de dias ventosos e agrestes. A previsão para os próximos dois vai nos ser mais favorável”.

Já Nuno Barreto, Trimmer da Genoa da equipa portuguesa, comentou num tom otimista o final das regatas de ontem: Apesar do vento estar fraco o dia correu-nos bem, estamos satisfeitos com a nossa prestação. Conseguimos comprovar que nas largadas decide-se muita coisa e nas que não largámos bem conseguimos recuperar a posição, ficando praticamente sempre no grupo da frente. Isto é um sinal de que estamos mais competitivos, que temos vindo a evoluir e que o trabalho que temos desenvolvido está a levar-nos na direção certa”.

A também estreante equipa Thalassa Magenta Racing, a primeira equipa só de mulheres das Extreme Sailing Series, saiu satisfeita do segundo dia de competição e subiu um lugar na classificação, estando agora em sétimo lugar da geral.

Segundo dia de competição, em que o futebol também marcou presença na regata com a visita de dois futebolistas e ex-internacionais portugueses e ex-jogadores de Benfica. Os defesas Bruno Basto, que jogou no SLB e Girondins de Bordéus, e Paulo Madeira, 24 vezes internacional pela seleção portuguesa vieram conhecer outra modalidade desportiva, a vela.

Para Bruno Madeira a experiência foi memorável: Fiquei muito impressionado com o trabalho de equipa a bordo, todos muito focados no mesmo objetivo para ganhar. Foi uma nova e excelente experiência para mim”.

Uma nota final de destaque para o facto de a competição das Extreme Sailing Series de Lisboa poder vir a ser a primeira a receber a certificação “Clean Regata”, com a sua organização a apostar forte no nível Prata.

Este programa de certificação da Sailors for the Sea pretende educar e mobilizar a comunidade náutica num esforço comum de conservação e proteção dos oceanos através da aplicação de 25 boas práticas que o organizador do evento poderá implementar de forma a atingir o nível de sustentabilidade pretendido. As Extreme Sailing Series estão a cumprir 18 das 25 boas práticas deste programa Clean Regata e isto é um resultado muito positivo do trabalho conjunto das duas organizações.

O terceiro dia da competição arranca hoje, dia 8 de outubro, pelas 14h00 com a Regata Costeira, desde a Doca de Pedrouços até à Praça do Comércio, que foi adiada por causa das fracas condições de vento. Logo após seguir-se-ão as regatas no Stadium Racing, na Doca de Pedrouços.

Extreme Sailing Series™ Ato 7, Lisboa dia 2, 7 outubro 2016 – 10 regatas
Posição / Equipa / Pontos
1º) Alinghi (SUI) Arnaud Psarofaghis, Nicolas Charbonnier, Timothé Lapauw, Nils Frei, Yves Detrey 112 pontos.
2º) NORAUTO (FRA) Adam Minoprio, Thibault Julien, Thierry Douillard, Matthieu Vandame, Nicolas Heintz 98 pontos.
3º) Oman Air (OMA) Morgan Larson, Pete Greenhalgh, James Wierzbowski, Ed Smyth, Nasser Al Mashari 90 pontos.
4º) Red Bull Sailing Team (AUT) Roman Hagara, Hans Peter Steinacher, Stewart Dodson, Adam Piggott, Brad Farrand 90 pontos.
5º) Sail Portugal – Visit Madeira (POR) Diogo Cayolla, Frederico Mello, Nuno Barreto, Luís Brito, João Matos Rosa 78 pontos.
6º) SAP Extreme Sailing Team (DEN) Jes Gram-Hansen, Rasmus Køstner, Mads Emil Stephensen, Pierluigi De Felice, Renato Conde 67 pontos.
7º) Thalassa Magenta Racing (CAN) Sharon Ferris-Choat, Sally Barkow, Hannah Diamond, Annie Lush, Mariana Lobato, Elodie Mettraux 63 pontos.
8º) Land Rover BAR Academy (GBR) Neil Hunter, Chris Taylor, Will Alloway, Sam Batten, Rob Bunce 63 pontos.
9º) Vega Racing (USA) Brad Funk, Nick Thompson, Trevor Bund, Erick Rodriguez, Mac Agnese 59 pontos.

 

Periodicidade Diária

sábado, 6 de março de 2021 – 14:12:27

Pesquisar

Como comprar fotos

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...