14 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

Gira-Volei: De Portugal para o mundo

O Gira-Volei volta a merecer por parte da Federação Internacional de Voleibol (FIVB) um justo destaque na sua página oficial na Internet.
 
Movimentando largas dezenas de milhares de jovens, o Gira-Volei tem vindo a disseminar a sua prática por todo o país, expandindo as fronteiras da sua visibilidade aos mais recônditos cantos da Terra, inserindo-se, a nível mundial, no Volley All Festival, que tem como missão estimular as 220 federações nacionais filiadas na FIVB a organizar, anualmente, um evento que combine a promoção da modalidade, a participação das crianças e dos jovens e o interesse da Comunicação Social no país e à escala planetária.
 
“O Volley All Festival constitui uma parte importante da iniciativa da FIVB no sentido de tornar a modalidade mais popular em todos os cantos da Terra”, salienta Vicente Araújo, Presidente da Comissão de Desenvolvimento da FIVB e da Federação Portuguesa de Voleibol.
 
Já não é a primeira vez que o Gira-Volei merece destaque da FIVB, que segue com atenção e interesse, na sua página oficial na Internet e na revista oficial VolleyWorld, a acção da Federação Portuguesa de Voleibol (FPV) na promoção da modalidade junto dos mais jovens.
 
A entidade que rege o Voleibol a nível mundial adoptou mesmo um projecto de iniciação e dinamização do Voleibol inspirado no Gira-Volei e que está a ser implantado à escala mundial: o Cool Volley.

Para difundir o Voleibol entre as crianças e os jovens em idade escolar, especialmente em locais com poucas infra-estruturas desportivas, a FIVB lançou em 2011 o Cool Volley, que considera ser “muito importante para o futuro da modalidade”, pois permite “o desenvolvimento individual dos jovens e o crescimento da modalidade”.
 
Quais as razões do sucesso do projecto da FPV?

Com o Gira-Volei, o Voleibol é jogado num formato mais acessível por aqueles que se estão a iniciar na sua prática.
Cada equipa é formada por dois elementos, o campo tem dimensões mais reduzidas e só é permitido jogar em passe, sem manchetes ou ataques. Além disso, os próprios jogadores devem anotar a pontuação.... Fácil, divertido e competitivo, daí que o impacto positivo que tem em Portugal se repercuta em todo o planeta.
 
E a verdade é que a FIVB se espelha no exemplo português. O Cool Volley teve as suas origens em Portugal, onde a FPV implantou o projecto Gira-Volei em 1998.

Projectado para desenvolver o Voleibol num país com poucas instalações adequadas à prática do Voleibol, a segunda modalidade mais praticada nas escolas, o Gira-Volei movimenta actualmente cerca de 150 mil crianças e jovens e tem 1.800 centros espalhados pelo país, que todos os anos acolhem mais de 5.000 jogos e distribuem mais de 100.000 camisolas, 20.000 bolas e 2.000 equipamentos.
 
Os frutos dos trabalhos da FPV também estão a ganhar maior visibilidade em níveis mais elevados. A Selecção Nacional de Seniores Masculinos conta nas fileiras com Alexandre Ferreira, um jogador cuja primeira experiência com o Voleibol aconteceu por intermédio do... Gira-Volei, que, dando mais uma prova da sua vitalidade, vai apresentar uma nova página no Facebook.

Periodicidade Diária

sexta-feira, 10 de julho de 2020 – 23:19:43

Pesquisar

Como comprar fotos

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...