15 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

CTARVP arrancam quinta-feira no IPP

Os Centros de Treino para o Alto Rendimento de Voleibol de Praia (CTARVP) da Federação Portuguesa de Voleibol (FPV) iniciam na quinta-feira um período de actividade mais intenso, com a realização de treinos durante as férias escolares do Natal, mais concretamente entre os dias 19 de Dezembro e 3 de Janeiro.
Para além dos atletas já envolvidos nos trabalhos, poderão vir igualmente a integrar estes treinos todos os atletas que manifestem vontade de serem observados pela equipa técnica, em coerência com os objectivos da FPV de detectar e contribuir para a formação de atletas jovens com elevado potencial.

Os Centros de Treino da FPV têm vindo a desenvolver uma evolução quantitativa e qualitativa e daí têm saído vários atletas que contribuem para a regeneração e acréscimo de qualidade do Circuito Nacional e outras provas da modalidade, bem como grande parte dos representantes portugueses em provas internacionais.
O melhor exemplo disso foi a medalha de prata alcançada no Campeonato da Europa de Sub-18 em 2010 pela dupla Mariana Filipe/Joana Neto, e os 9ºs lugares no Campeonato do Mundo de Sub-19, já este ano, das duplas Bernardo Martins/Francisco Pombeiro e Tomás Silva/Diogo Maia.

Daí que, em 2013/2014, a FPV tenha colocado a fasquia ainda mais alta, desenvolvendo um projecto que poderá vir a constituir um marco no trabalho dos CTARVP.

Os treinos de observação, realizados sob a coordenação técnica de Francisco Fidalgo, decorrem durante este mês no Porto (IPP) e têm em vista objectivos nacionais, como o funcionamento permanente dos Centros de Treino e o desenvolvimento das selecções nacionais de Voleibol de Praia.

“Temos passado por várias fases de evolução dos centros e fatalmente teríamos de evoluir para esta que é fazer o Voleibol de Praia funcionar durante todo o ano. Ainda não é a época desportiva inteira, mas trata-se de um projecto que pretende continuar pelo Verão e de forma a partir da próxima época termos trabalho de praia durante todo o ano”, refere Francisco Fidalgo, acrescentando:
"Os Centros de Treino existem há já vários anos e este trabalho com os jovens é árduo e exige continuidade; por vezes, dá os seus frutos mais cedo, outras vezes mais tarde, não podemos é desistir dele. Pelo contrário, devemos aumentar o seu âmbito e alargar o seu raio de acção geográfica a todo o país, o que tem sido outras das prioridades mais recentes".

Periodicidade Diária

segunda-feira, 19 de outubro de 2020 – 15:43:51

Pesquisar

Como comprar fotos

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...