13 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

Brasil-Rússia e EUA-Itália "aquecem" Taça do Mundo

A Taça do Mundo 2011, em masculinos, a decorrer até ao dia 4 de Dezembro no Japão, não podia ser mais emocionante. Após a derrota dramática (2-3: 16/25, 25/20, 25/18, 21/25 e 20/22) do Brasil, vencedor das duas últimas edições (2007 e 2003) e número 1 mundial, às mãos da Itália, a Rússia e a Polónia passaram a ser as únicas selecções ainda invictas e, como tal, os adversários a (a)bater.
 
Hoje, os brasileiros e os russos, números 1 e 2 do ranking mundial, respectivamente, defrontam-se, num jogo em que a equipa orientada por Bernardinho não pode perder, pois correrá o risco de ficar apeada do comboio da qualificação olímpica, no qual só há três lugares livres*.

Na sexta-feira realiza-se outro jogo grande, o Estados Unidos-Itália. Os norte-americanos têm já duas derrotas, o limite máximo para poderem continuar a sonhar com a qualificação olímpica, enquanto os transalpinos, moralizados com o triunfo sobre os campeões do mundo, que colmatou a derrota (1-3: 25/22, 22/25, 22/25 e 21/25), diante dos russos, na 1.ª jornada, têm neste jogo uma excelente oportunidade para afastarem a concorrência e aproximar-se dos lugares cimeiros.

Destaque ainda para o embate, agendado para hoje, entre Argentina e Cuba, duas selecções igualmente com legítimas pretensões à qualificação.

Ainda sem conhecerem o doce sabor da vitória, Japão, Sérvia (campeã europeia) e China, 10.º, 11.º e 12.º classificados, respectivamente, são, até ao momento, as grandes desilusões desta edição da Taça do Mundo.

O canal televisivo Sport TV transmite em directo os jogos da Taça do Mundo.
(*) A Taça do Mundo é o primeiro passo no processo de qualificação para os Jogos Olímpicos, apurando os três primeiros classificados para Londres 2012.
  

Periodicidade Diária

quarta-feira, 19 de junho de 2019 – 15:39:24

Pesquisar

Vamos ajudar a Oksana

Maryna Sribnyak
IBAN: PT50 0035 0614 0000 9327 930 65
SWIFT: CGDIPTPL
clicar na imagem para saber mais

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...