14 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

Porsche Challenge: corridas imprevisíveis e vitórias de Farah e Azevedo em Estoril

Vencedores das provas de abertura da categoria realizadas em Portugal, eles vão para Algarve empatados na liderança do campeonato.

Duas corridas imprevisíveis, com total indefinição até a última volta sobre quem receberia a bandeirada em primeiro lugar. As provas de abertura do Porsche Challenge, realizadas neste sábado em Estoril, mostraram a competitividade da categoria e deram a perspectiva de um campeonato emocionante. Gilberto Farah e Eduardo Azevedo foram os vencedores e lideram empatados o campeonato.

O pole position Ipe Ferraiolo controlou (ainda que a pequena distância) a primeira corrida do dia até a última volta. Desde a largada, uma garoa fina caía sobre o circuito e deixava a pista cada vez mais escorregadia. Ferraiolo assumiu a ponta na largada e manteve a posição após a saída do safety car, que havia sido acionado após o acidente do estreante Armando Di Nardo na terceira volta. Logo atrás de Ferraiolo, um grupo de dez carros trocava constantemente de posições. Ao entrar na última volta, a chuva aumentou um pouco e Ferraiolo, o primeiro ao chegar à curva 1, rodou no piso escorregadio. Outros seis pilotos também passaram reto. Edu Guedes chegou a assumir a liderança, mas rodou no miolo do circuito, caindo de posição e deixando Farah e Azevedo nos dois primeiros lugares. Várias rodadas e saídas de pista aconteceram na última volta, tornando impossível prever o resultado final. Guilherme Ribas, que havia passado em sétimo na volta anterior, recebeu a bandeirada em terceiro; Sylvio de Barros subiu de quinto para quarto; Johnny Freire, de oitavo para quinto; e Gui Affonso cruzou em sexto depois de passar em 11º na penúltima volta. Ferraiolo, líder durante praticamente toda a prova, ficou em décimo.

A segunda corrida teve as categorias Cup e Challenge, que largaram em pelotões separados. Ribas liderou as primeiras voltas, mas abandonou depois de uma rodada. Isso deixou Eduardo Azevedo na liderança, sempre ameaçado por Sylvio e Freire. Com problemas nos pneus, Sylvio procurou manter o terceiro lugar, enquanto Freire se encarregava de atacar Azevedo. No final, os dois primeiros colocados receberam a bandeirada separados por apenas 0s1. Destaques para o estreante Peter O’Donnell, quarto colocado na bandeirada; Edu Guedes, que fez uma corrida de recuperação para chegar ao quinto lugar; e Daniel Schneider, que completou os seis primeiros colocados com direito a pódio.

Gilberto Farah, vencedor da primeira prova, optou por não largar na segunda. O regulamento da Challenge determina que somente o melhor resultado das provas realizadas fora do Brasil vale para o campeonato. Sem ter como somar mais pontos aos 20 da vitória na primeira corrida, Farah poupou seu equipamento para as provas em Algarve, no próximo dia 24.


Porsche Challenge, prova 1

1) 81-Gilberto Farah, 13 voltas em 27:55.799, média de 116,8 km/h
2) 88-Eduardo Rocha Azevedo, a 1.380
3) 25-Guilherme Ribas, a 2.370
4) 1-Sylvio de Barros, a 3.109
5) 11-Johnny Freire, a 4.055
6) 4-Gui Affonso, a 5.299
7) 41-Peter O’Donnell, a 6.137
8) 77-Daniel Schneider, a 9.954
9) 10-Carlos Silveira, a 13.131
10) 00-Ipe Ferraiolo, a 13.804
11) 99-Alan Turres, a 20.154
12) 2-Vitor Scheid, a 20.670
13) 9-Edu Guedes, a 21.337
14) 82-Renato Benedetto, a 1:00.672
15) 7-Tommy Soubihe, a 1:52.055
16) 18-Carlos Ambrósio, a 1 volta (acidente)
17) 57-Jorge Borelli, a 1 volta (acidente)
18) 12-Marcelo Sarcinella, a 1 volta (acidente)
19) 17-Marcelo Stallone, a 1 volta (acidente)
20) 8-Rodolfo Ometto, a 2 voltas
21) 3-Armando Di Nardo, a 12 voltas (acidente)
22) 16-Ludovico Pezzangora, não largou (câmbio)
Melhor volta: Sylvio de Barros, 1:50.427, média de 136,3 km/h


Porsche Challenge, prova 2

1) 88-Eduardo Azevedo, 16 voltas, 29:28.280, média de 136,2 km/h
2) 11-Johnny Freire, a 0.132
3) 1-Sylvio de Barros, a 6.667
4) 41-Peter O’Donnell, a 7.033
5) 9-Edu Guedes, a 9.763
6) 77-Daniel Schneider, a 10.309
7) 00-Ipe Ferraiolo, a 10.632
8) 10-Carlos Silveira, a 29.356
9) 17-Marcelo Stallone, a 35.839
10) 4-Gui Affonso, a 37.094
11) 16-Ludovico Pezzangora, a 38.714
12) 8-Rodolfo Ometto, a 43.074
13) 18-Carlos Ambrósio, a 1 volta
14) 82-Renato Benedetto, a 1 volta
15) 25-Guilherme Ribas, a 9 voltas (abandono)
16) 99-Alan Turres, a 13 voltas (abandono)
Não largaram: 81-Gilberto Farah, 2-Vitor Scheid, 7-Tommy Soubihe, 57-Jorge Borelli, 12-Marcello Sarcinella, 3-Armando Di Nardo
Melhor volta: Ipe Ferraiolo, 1:47.741, média de 139,7 km/h


Classificação da Porsche Challenge após duas provas (vale somente o melhor resultado das duas corridas em Estoril)

1) Eduardo Azevedo e Gilberto Farah, 20; 3) Johnny Freire, 18; 4) Sylvio de Barros e Guilherme Ribas, 16; 6) Peter O’Donnell, 14; 7) Edu Guedes, 12; 8) Daniel Schneider e Gui Affonso, 10; 10) Ipe Ferraiolo, 9; 11) Carlos Silveira, 8; 12) Marcelo Stallone, 7; 13) Alan Turres e Ludovico Pezzangora, 5; 15) Rodolfo Ometto e Vitor Scheid, 4; 17) Carlos Ambrósio, 3; 18) Renato Benedetto, 2; 19) Tommy Soubihe, 1; 20) Jorge Borelli, Marcello Sarcinella e Armando Di Nardo, sem pontos.
  

Periodicidade Diária

domingo, 25 de agosto de 2019 – 11:58:17

Pesquisar

 

20 de agosto

2005 - 2019, são 14 anos


- quase 3 milhões de fotos

de cerca de 60 desportos diferentes

 

- aproximadamente 46.000 notícias

de cerca de 225 desportos diferentes

 

- e muito mais
 

tudo

Ao Serviço do Desporto em Portugal

Obrigado aos nossos leitores!

 

 

Vamos ajudar!

Como comprar fotos

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...