12 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

NúcleOeiras/SportZone arrasa concorrência no GP Barcarena 2015

NúcleOeiras recebe troféu de vencedor pelo vice-presidente da  CMO, Carlos Morgado

 

Numa demonstração de clara superioridade sobre toda a concorrência, o NúcleOeiras/Sport Zone somou a terceira vitória em outras tantas provas do Troféu CMO-Corrida das Localidades. No Grande Prémio de Atletismo de Barcarena 2015 realizado no dia 8 (domingo), 3.ª prova a contar para o quadro competitivo do corrente ano, e promovida pelo clube da localidade, também freguesia, os “laranjinhas” liderados por Paulo Dias somaram 698 pontos, deixando a equipa 2.ª classificada, o Linda-a-Pastora SC, a 330, uma vez que o emblema presidido por José Manuel Isidro somou 368, com “Os Fixes” de Queluz de Baixo a alcançar o último degrau do pódio colectivo, com o total de 301. No 4.º lugar, classificou-se, o GRD Ribeira da Lage (234), e o Sporting da Reboleira e Damaia, na quinta posição, sendo por isso a melhor, “Extra-Concelho”.

 

De resto, as quatro primeiras posições mantiveram-se relativamente à corrida anterior (Queluz de Baixo) deixando antever grandes dificuldades para os restantes clubes no acesso aos lugares de topo da classificação colectiva.

 

Superada de novo a barreira dos seiscentos atletas classificados

 

Com os escalões jovens (benjamins a juniores) com muito boa participação (no total classificaram-se 167), um número que contribuiu em muito para o resultado final da prova de Barcarena que colocou na linha de chegada um total de 669 corredores (mesmo com grande oferta na mesma manhã em outros locais), voltando a criar grandes dificuldades no funil de chegada, com o registo final a ser muito demorado, provocando uma longa fila de mais de 100 metros.

 

Os atletas continuam assim a acender velas a São Pedro, porque num dia de intempérie, avolumar-se-ão as dificuldades, quer da organização, quer dos participantes.

 

A questão dos dorsais provisórios continua a ser um dos principais motivos da lentidão de leitura, associado à maior participação de clubes e atletas. E com isso, tudo se atrasa, desde a entrega de prémios, até ao “desmanchar da feira”, e em Barcarena isso aconteceu já perto da uma hora da tarde, situação nova no quadro competitivo do troféu oeirense.

 

Susana Cunha (Linda-a-Pastora SC) reforça liderança em seniores femininos

 

Susana Cunha (LPSC) terceira vitória consecutiva nas mulheres

 

Em termos competitivos, registe-se a terceira vitória de Susana Cunha, no sector feminino, em termos absolutos, e a primeira do veterano, Carlos Alves (FC Roussão), acumulando com a do seu escalão (M45).

 

Manuel Martins (GRCD Leião) começa a ganhar vantagem em M70

 

Nos mais velhos, releve-se ainda o primeiro lugar de Manuel Martins (Leião), no M70, mantendo a tendência de afastar o carismático Bernardino Pereira (“Os Fixes” do título final de campeão do troféu.

 

José Alcobia- Os Fixes de Queluz de Baixo lidera M60

 

Ainda nos escalões mais velhos, José Alcobia voltou a ganhar em M60, somando a terceira vitória, liderando assim a classificação individual com o máximo de pontos até agora-45!

 

…E se de repente te aparecesse uma “parede” pela frente?

 

Muito trabalho da PSP para controlar o trânsito nas artérias da localidade

 

A edição deste ano voltou a conhecer alterações ao traçado em praticamente todos os escalões e pareceu-nos que não acrescentou qualidade à competição.

 

Mais; em termos de escoamento de trânsito originou maiores complicações, já que os automóveis tinham que parar em sentido ascendente, causando mais poluição, e os atletas foram obrigados a “empinar” longos metros.

 

Na “chamada prova-rainha” (8.270 metros), os atletas, Juniores Masculinos/ Sub 23 Masculinos/ Seniores Masculinos/M35/ M40/ M45/ M50/ M55, e M60,depois de percorrerem alguns quilómetros em subida longa, regressaram ao centro da localidade em descida longa, voltando a enfrentar a ingreme subida até à “Cruz dos Cavalinhos”, provocando “mossa” em muitos dos participantes.

 

De resto, se olharmos para o registo final (quase 29 minutos para o vencedor), percebe-se bem das dificuldades do novo traçado.

 

A terminar, registe-se ainda a excelente colaboração da secção de cicloturismo do GD Barcarena que nas bicicletas ajudaram à segurança da prova, nomeadamente de corredores e público.

 

Texto e fotos: Ventura Saraiva

 

Principais classificações

 

Juniores femininos

1.ª Vanessa Agulha, NúcleOeiras/SportZone

2.ª Catarina Alves, NúcleOeiras/SportZone

3.ª Maria Medeiro, NúcleOeiras/SportZone

 

 

Juniores masculinos

1.º Flávio Santos, FFM Unificação

2.º Ângelo Costa, AM CV Lumiar

3.º José Paulo, SC Reboleira e Damaia

 

 

Sub 23 femininos

1.ª Kcenia Bougrova, Valejas AC

2.ª Marta Pitta, NúcleOeiras/SportZone

3.ª Catarina Carreira, Linda-a-Pastora

 

 

Sub 23 masculinos:

1.º João Bértolo, NúcleOeiras/SportZone

2.º Ricardo Gonçalves, NúcleOeiras/SportZone

3.º António Botão, Academia Lumiar

 

 

Seniores femininos:

1.ª Susana Cunha (Linda-a-Pastora)

2.ª Marisa Antunes (NúcleOeiras)

3.ª Isabela Pires, Casa Benfica AMM

4.ª Sara Marinho (NúcleOeiras)

5.ª Maria Varela (NúcleOeiras)

6.ª Maria Navarro, GRCD leião

7.ª Micaela Simões, Valejas AC

8.ª Raquel Pinheiro, GRD Ribeira Lage

9.ª Gabriela Gondar, “Prá Semana Vou”

10.ª Filipa Relvas, NúcleOeiras/SportZone

 

 

Seniores masculinos

1.º Afonso Pegado, GCR leião)

2.º José Camacho, Linda-a-Pastora

3.º Rodrigo Duarte, NúcleOeiras

4.º José Azevedo, Linda-a-Pastora

5.º Francisco Seguro, AP Tejo-Norte

6.º Edgar jacinto, Auto Jacinto

7.º Luís Santos, Linda-a-Pastora

8.º Diogo Morgado, Linda-a-Pastora

9.º Rui Martins, ASC Vale Grande

10.º Luís Couxão, GD Barcarena

 

 


 

quinta-feira, 19 de julho de 2018 – 15:34:36

Pesquisar

Reportagens fotográficas em preparação

- Rolex TP52 World Championship 2018 - Cascais

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...