14 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

XXXIII GP de Monte Real

NAZA mais forte que toda a concorrência
 

 Com fortes tradições no atletismo, o Desportivo de Monte Real, sediado na freguesia de S. Domingos de Rana, levou a efeito a 33.ª edição do Grande Prémio de Atletismo, competição que decorreu durante toda a manhã do dia 12 (domingo). Esta será porventura uma das mais antigas provas de estrada do país envolvendo todos os escalões etários, fruto do empenho e dedicação dos dirigentes da colectividade, não esquecendo o antigo “carola” José Pietra que durante anos “alimentou” o atletismo no Desportivo de Monte Real, tornando-o uma bandeira do concelho cascalense.

  Quanto à prova deste ano, a 5.ª pontuável para o Troféu de Atletismo de Cascais, 2011/2012, a participação foi menor relativamente a corridas já disputadas, facto que não é alheio o calendário cada vez mais apertado para os clubes e atletas. Ainda assim, mais de três centenas de atletas pontuaram nos vários escalões, um número apreciável se tivermos em conta a concorrência de provas no mesmo fim-de-semana.
 
 Carla Santos (Ribeira da Lage) vence corrida feminina
 
alt

  Com 3.600 metros, a corrida destinada às senhoras englobou ainda os escalões de Juniores e veteranos masculinos (M60 e 65).
 
Na competição feminina, a vitória foi para Carla Santos (GRD Ribeira da Lage) que continua assim nos lugares cimeiros da categoria de seniores.
 
Nos veteranos, a surpresa aconteceu no escalão de M60, com a vitória de José Pereira (NAZA) que bateu Carlos Monteiro, da Casa do Benfica em Algueirão-Mem Martins.
 
 Marco Mello ganha competição masculina
 
alt

  Encurtada para 7.500 metros, a prova-rainha destinada aos seniores e veteranos (até M55), juntou mais de uma centena de competidores, e acabou por ser um treino mais rápido para os representantes da equipa de Atibá, tal a ausência de outros concorrentes.
 
Marco Mello foi o primeiro a entrar na meta, não interferindo com a classificação dos seus companheiros de clube, já que pertence ao escalão M40.
 
Cláudio Cardoso foi consagrado como vencedor nos seniores, seguido de João Brito, Telmo Silva e Rui Belo.
 
Carlos Vaz (Desportivo de Monte Real) foi o senhor que se seguiu, liderando o grupo dos perseguidores.
 
 NAZA vence classificação por equipas
 
alt

  Feitas as contas finais, o Núcleo de Atletismo da Abóboda (NAZA) somou 277 pontos, batendo a colectividade organizadora (Desportivo de Monte Real) por dois pontos (275). A fechar o pódio por equipas, classificou-se outro clube cascalense, a A.M. de Atibá que somou 199 pontos. Numa classificação onde aparecem 34 equipas, o 4.º lugar foi para a Associação Navegadores de Porto Salvo, e o 5.º para o GRD Ribeira da Lage.
 
 Uma nota final para a cerimónia de entrega de prémios: é de saudar o empenhamento dos atletas do clube organizador que participaram na iniciativa e a preocupação dos dirigentes e seccionistas para que tudo estive a preceito. Quem está no atletismo para promover a modalidade, sabe o que faz. E o Desportivo de Monte Real, sabe…
 
 Ventura Saraiva
   

Periodicidade Diária

sábado, 15 de agosto de 2020 – 19:58:24

Pesquisar

Como comprar fotos

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...