14 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Ainda o 1º Trilho das Lampas

Decorreu no passado dia 4 de Maio de 2013, o 1º Trilho das Lampas. Teve a organização do Grupo de Dinamização Desportiva Meia Maratona de S.João das Lampas, a 2ª mais antiga de Portugal, com o grande impulsionador e entusiasta mentor Fernando Andrade a pôr de pé mais uma prova de sucesso, também com o apoio da Junta de Freguesia e a Sociedade Recreativa de S.João das Lampas e ainda a Camara de Sintra.
 
A prova teve partida ao fim da tarde de sábado,  pelas 19:30hrs, e aproveitou bem a beleza natural da zona e a costa marítima próxima de S.João das Lampas. Os atletas partem do largo de S.João das Lampas, dão uma volta de apresentação e são levados pelo campo, em caminhos de terra batida, trilhos e algum asfalto também, e percorrem campos, entre moinhos, azenhas, riachos que se têm de atravessar, pontes e caminhos romanos, até alcançarem a Praia da Samarra, onde a maioria chegou à hora do sol se pôr, sendo ainda um número considerável o que chegou à praia já de noite e viu as dificulades (do caminho e do piso) acrescidas, o que se evitaria com uma partida ligeiramente mais cedo, não comprometendo o pôr-do-sol sobre o mar para a maioria. Escarpas, trilhos estreitos e de alguma dureza a exigirem alguns cuidados, que a organização soube prevenir pois ao longo de todo o percurso colocou estrategicamente pessoal e primeiros socorros. A prova entra pela noite, a justificar a exigência da utilização de frontais.
 
O percurso esteve relativamente bem marcando, por fitas e fitas com material reflector para ser visto de noite quando a luz dos frontais incidisse neles, tendo-se no entanto verificado algumas falhas que levou alguns atletas a se perderem, tendo valido a quantidade de membros da organização pelo terreno, que depressa corrigiram algumas dessas situações.
 
A prova teve 2 abastecimentos, tendo sido o 1º de água, em copo de plástico, e o 2º de água e fruta, o que foi mais que excelente para uma distância de 18 km. Sacos para o lixo são colocados nessas zonas para ajudar e ensinar a preservar a Natureza de que os atletas desfrutam.
 
Em termos participativos a prova teve cerca de 3 centenas de atletas chegados à meta, para além das dezenas de participantes na Caminhada, de menor distância e reduzida dificuldade.
 
À chegada foi disponibilizado banho, apesar da água fria, foi oferecido a todos sopa quente, chá, pão, bolos e fruta. Todos receberam ainda uma lanterna como prémio de presença. A organização disponibilizou ainda grelhadores, mesas e cadeiras para quem quisesse usar e cear por ali.
 
Houve trofeús como prémios por classificação e por escalões e alguma confusão nessa atribuição de prémios, que no entanto se esclareceu com facilidade. A prova teve controlo por pulseira de borracha entregue em ponto estratégico e chip descartável. Classificações e apoio técnico assegurado pela Xistarca, que disponibilizou as classificações on-line rapidamente.
 
Teve ainda a prova uma boa reportagem fortográfica, a cargo da AMMA-Atletismo Magazine Modalidades Amadoras, e a oferta de um Foto-Diploma disponibilizado on-line.
 
A prova teve um bom número de estreantes em trilho, prova que se veio a revelar rápida pelos troços de asfalto ou de terra batida em que era permitido correr com facilidade, não obstante as zonas mais perigosas que não meteram medo nem desmotivaram os estreantes, que prometem continuar e ao 2º Trilho das Lampas voltar. Não fosse S.João das Lampas absolutamente carismática pela sua forma de receber que já é sobejamente conhecida pela Meia Maratona, esta nova visão das Lampas captou adeptos e pela apreciação global de quem lá foi, promete ter vindo para ficar e crescer em número, acreditando-se que manterá o nível de qualidade e corrigirá os pontos menos positivos.
 
Em termos classificativos, os resultados foram os seguintes:
 
No sector masculino:
1º João Ginja, do Grupo Desportivo Macedo Oculista, com 1h15m15s
2º Custódio António, do Clube Praças da Armada, com 1h15m34s
3º Tiago Cochicho, individual, com 1h16m32s
 
No sector feminino:
1ª Ana Lúcia Falé, individual, com 1h34m15s
2ª Andreia Mira, Individual, com 1h38m59s
3ª Carmem Henriques, do Clube Praças da Armada, com 1h40m04s
 
Ana Pereira

Periodicidade Diária

sábado, 19 de outubro de 2019 – 15:53:27

Pesquisar

Vamos ajudar!

Como comprar fotos

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...