18 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

Final do nacional de clubes mais competitiva de sempre

A cidade de Pombal, mais concretamente o seu pavilhão na Expocentro, prepara-se para receber a 29.ª edição dos Campeonatos Nacionais de Clubes, com as finais da I Divisão e da II Divisão, em programas-horários distintos, numa organização conjunta da Federação Portuguesa de Atletismo, da Associação Distrital de Atletismo de Leiria e do Município de Pombal.
 
No que concerne à divisão principal, que decide quais os clubes campeões de Portugal, o Sport Lisboa e Benfica e o Sporting Clube de Portugal defendem os títulos conquistado s em masculinos e femininos, respetivamente.
 
A mais importante competição nacional de índole coletiva em pista coberta – Campeonatos Nacionais de Clubes – conheceu a sua primeira edição em 1994, com um programa reduzido. Um ano depois já se usava o figurino do programa completo que consta nas grandes competições internacionais.
 
Passadas 28 edições, o escalonamento dos clubes que têm ocupado os lugares do pódio na posição de vencedores começa a vincar a tendência dos seus congéneres ao ar livre, ou seja, o duelo Sporting – Benfica.
Depois das duas primeiras edições, ganhas pelo Benfica, o Sporting venceu a prova em 16 anos consecutivos até o Benfica voltar a triunfar. O Sporting conquistou ainda triunfos em 2017 e 2021 (ano em que o Benfica não compareceu nos Campeonatos, que tiveram uma fórmula única – apenas uma divisão, com 15 clubes, divididos em dois grupos, em dois fins-de-semana, com pontuação conjunta).
 
Em 2022, o Benfica voltou a triunfar.
 
Em femininos, a hegemonia absoluta do Sporting com 27 triunfos em 29 edições (apenas perdeu na edição inaugural – 1994 – para o Benfica e em 2010 para o Futebol Clube do Porto).
 
Para esta edição em 2023, espera-se uma competição ainda mais aguerrida pela conquista do título de campeão, com o Benfica, defensor do título, a saber que não poderá errar em nenhum momento, pois o Sporting, com alguns reforços este ano, tem equipa para “morder os calcanhares” aos benfiquistas.
 
Para além de vários duelos faiscantes, certamente e será uma oportunidade única para ver em competição pura algumas das estrelas do atletismo português e mundial, desde logo com o campeão olímpico, mundial e europeu de triplo-salto, Pedro Pichardo (SL Benfica) na primeira linha, e o seu colega de equipa Roger Iribarne, que esta semana chegou a terceiro melhor atleta mundial do ano nos 110 metros barreiras.
 
Entre os atletas inscritos, estão vários estrangeiros que estarão ao serviço quer de Benfica quer do Sporting (e também da JOMA), que podem apresentar dois atletas estrangeiros.
 
Mas, para as contas finais ainda contarão as prestações das restantes equipas. Em masculinos, estarão em competição as formações do Sporting de Braga (terceiros classificados nas três últimas edições), Jardim da Serra (quarto classificado em 2022), Juventude Vidigalense (5º em 2022), CA Seia (8ª em 2022) e ainda a Casa do Benfica de Faro, campeão da II divisão em 2022, e o Maia AC, vice-campeão nacional da segunda divisão.
Grande luta também se espera em femininos, com o Benfica, com uma equipa reforçada, que tentará, de novo, “atacar” a hegemonia leonina. Contudo, o espírito competitivo das leoas não deixará de vir ao cimo da competição na perseguição ao 28º triunfo coletivo, ou não tivessem nos seus quadros atletas como Patrícia Mamona, Auriol Dongmo, Cátia Azevedo ou Salomé Afonso.
 
Esta será uma edição diferente das anteriores, já que apenas quatro equipas que estiveram na final do ano passado continuam na primeira divisão. São elas, para além do Sporting, o Jardim da Serra (vice-campeão), o Juventude Vidigalense (4º em 2022) e o Maia AC (5º em 2022). Da segunda divisão do ano passado subiram o Eirense (campeão nacional da 2ª divisão em 2022) e o Póvoa de Varzim (4º na 2ª divisão em 2022) e duas equipas que regressam após ausência de algumas épocas: o Benfica (não compete desde 2019) e o Estreito (ausente desde 2018).
 
As provas da primeira divisão começam às 15h20 de sábado, em Pombal, com os resultados em direto a serem divulgados na plataforma FPA Competições (https://www.fpacompeticoes.pt/2019/competicao),. O regulamento e inscrições estão disponíveis na página da FPA (https://fpatletismo.pt/geral/2023/01/campeonatos-nacionais-de-clubes-em-pista-coberta-final/). A competição terá streaming no canal de Youtube da FPA (https://www.youtube.com/@FPAtletismotv), cujo link deixaremos nesta página e nas nossas redes sociais.
Quanto à segunda divisão, entre as oito equipas masculinas concorrentes, destaque para o ex primodivisionários Póvoa de Varzim (6º na primeira divisão em 2022), que já se sagrou campeão da 2ª divisão em 2018, e Grecas (7º em 2022), que também ostenta um título de campeão nacional da 2ª divisão em 2011. Da final da segunda divisão no ano passado repetem Água de Pena (então 3º classificado), o Srª do Desterro (então 5º), campeão de segunda divisão em 2016, e Sobral de Ceira (7º). Regressam à prova, após ausência, o Eirense (de fora no ano passado), o CA Marinha Grande (ausente desde 2014) e o CIA Ilha Azul (ausente desde 2011). A luta pelo título será bem aberta, com muita competitividade.
 
Para a segunda divisão, em femininos, destaque para o Sporting de Braga, que ainda no ano passado subira ao pódio da primeira divisão. Mas a formação minhota não será a única que concretizou a “descida”, já que terá a companhia da JOMA (6º no ano passado), Grecas (7º) e Água de Pena (8º). Repetem a participação nesta final as equipas do Oliveira do Douro (3º na segunda divisão no ano passado), Fundação Salesiana (6º) e Clube Pedro Pessoa (8º). Ausente no ano passado, regressa agora o Academia de Valdevez.
 
A participarem todas as suas melhores atletas, as formações do Sporting de Braga (campeão de segunda divisão em 2012) e da JOMA (que nunca competiu na segunda divisão), apresentam-se como favoritos, mas a Fundação Salesiana já tem um título (em 2017) e pode apresentar algumas surpresas.
 
As provas da segunda divisão começam às 13h00 de sábado, em Pombal, com os resultados em direto a serem divulgados na plataforma FPA Competições (https://www.fpacompeticoes.pt/2020/competicao). O regulamento e inscrições estão disponíveis na página da FPA (https://fpatletismo.pt/geral/2023/01/campeonatos-nacionais-de-clubes-em-pista-coberta-final/). A competição terá streaming no canal de Youtube da FPA (https://www.youtube.com/@FPAtletismotv), cujo link deixaremos nesta página e nas nossas redes sociais.
 

Periodicidade Diária

terça-feira, 18 de junho de 2024 – 11:18:42

Pesquisar

Como comprar fotos

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...