16 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

Liliana Cá bate recorde nacional do disco

 

A atleta da Associação Desportiva Novas Luzes, Liliana Cá, que recentemente carimbou o passaporte para os Jogos Olímpicos de Tóquio, nos Campeonatos Nacionais de Lançamentos Longos, bateu agora o recorde nacional do lançamento do disco, ao lançar o engenho a 66,40 metros, esta tarde, em Leiria, durante as Provas de Observação de Lançamentos, vencendo a competição.

 

Liliana Cá, que é treinada por Luís Herédio Costa, supera, assim, o recorde que pertencia a Teresa Machado desde 1998, em precisamente um metro.

 

No final da prova, a atleta garantiu que “não estava à espera deste resultado”.

 

Sabia que estava bem e que seria possível bater o recorde nacional, mas não esperava chegar aos 66 metros”, justificou.

 

Perante esta conquista, Liliana Cá disse que se sente “muito feliz e satisfeita”, partilhando que, neste último ano, apesar da pandemia, “não mudou nada no treino, mas sim nas rotinas familiares”, o que lhe tem permitido “estar mais focada e também mais descansada”.

 

Em mente Liliana Cá tem os Jogos Olímpicos de Tóquio, mas até lá confessou que espera “ainda alcançar uma marca um pouco melhor, para conseguir chegar à final”.

 

António Vital e Silva com melhor marca pessoal no martelo

 

A atleta do Novas Luzes não foi, de resto, a única a brilhar nesta competição.

 

Já de manhã, António Vital e Silva, do Sport Lisboa e Benfica, havia batido o seu recorde pessoal no lançamento do martelo.

 

Vital e Silva lançou o engenho a 74,16 metros, no segundo ensaio, vencendo a prova e superando a sua melhor marca, que era de 73,26 metros

Periodicidade Diária

sexta-feira, 17 de setembro de 2021 – 06:08:05

Pesquisar

Como comprar fotos

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...