18 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

Décio Andrade com medalha de prata nas Universíadas

O português Décio Andrade conquistou hoje a medalha de prata no lançamento do martelo nos Jogos Mundiais Universitários, que decorrem em Chengdu, na China. Foi a terceira medalha do atletismo português.
 
Excelente prestação dos atletas portugueses na final do lançamento do martelo, uma prova com todos os oito finalistas a alcançarem mais de 70 metros.
 
Décio Andrade abriu com um lançamento a 71,69 metros, marca que o deixava no pódio, mas nas rondas seguintes houve vários atletas que fizeram melhor, até que ao quinto ensaio Décio melhorou para 71,78 m, numa antevisão do “tudo por tudo” na ronda final. Aí chegado, o madeirense conseguiu um lançamento a 73,43 metros o seu terceiro melhor da época, garantindo a medalha de prata atrás do chinês Qi Wang, que conseguiu 76,63 m.
 
Décio, campeão de Portugal e quarto classificado nos Campeonatos Universitários nos Estados Unidos, obtinha assim a sua primeira grande medalha internacional.
 
«É verdade que comecei bem, tentei arriscar um pouco mais, mas estava instável tecnicamente. Felizmente o professor Vitos Zabumba [treinador do campeão João Coelho] ajudou-me muito, a ter mais confiança nos aspetos técnicos e consegui fazer um bom último lançamento. Sentia que hoje podia ter chegado aos 75 metros, mas estou contente», afirmou o atleta, ainda a digerir o seu segundo lugar. «Confesso que quando vi o martelo aterrar estava na dúvida se tinha conseguido o primeiro lugar, mas não. Foi o segundo o que me deixa muito feliz, até porque esta era uma prova que eu encarava como muito importante, e que me deixou muito boas indicações para a próxima época», concluiu.
 
O outro português presente, Ruben Antunes, também esteve em bom plano e garantiu a presença nos finalistas ao fechar com 70,04 após a terceira ronda de lançamentos. Já não conseguiu melhorar, mas terminou num honroso oitavo lugar.
 
«A prova não correu mal, mas senti que podia ter conseguido um pouco mais. É verdade que lancei perto do meu recorde pessoal, mas sinto que podia ter conseguido uma melhor classificação», sintetizou o atleta no final da competição.
 
Amanhã competem duas portuguesas: Inês Mendes, na final dos 20 km marcha, e Marina Machado, na final dos 5000 metros.
 

Periodicidade Diária

quinta-feira, 25 de abril de 2024 – 04:28:54

Pesquisar

Como comprar fotos

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...