15 anos ao serviço do Desporto em Portugal

Notícias

Rampa da Santa Marta - 2ª subida de prova

Rui Ramalho (Juno SSE) soma e segue. Volta a fazer baixar o melhor tempo, retira um milésimo de segundo ao tempo do warm-up. Ramalho optou por repetir a prova, pois encontrou bandeiras amarelas no percurso. João Fonseca (Norma M20FC) fez meio pião e perdeu muito tempo atravessado na pista.

 

Paulo Ramalho já com o Juno CN09 sem os problemas que sentiu ontem, ficou à vontada para ser segundo, com mais 1,923s que o seu irmão Rui.

 

A Categoria 1 teve uma baixa. Nuno Guimarães partiu, mas não andou mais de cem metros, devido a um problema com a corrente de transmissão do BRC CM02.

 

Tiago Reis (Ford Fiest RS) mantém-se na frente da Categoria 3, faz o terceiro tempo com 1m55,119s coloca-se a 2,8 segundos do melhor tempo, o que lhe permite ganhar alguma distância para António Nogueira (Porsche GT2), que é o mais rápido na Categoria 2, está agora a 1,254s de Reis.

 

Manuel Pereira, ontem, sentiu vários problemas no Mitsubishi Lancer EVO VI. Saltou-lhe a vareta de óleo, depois foi uma bobine que teimava em não funcionar devidamente e parece que por fim tem tudo a funcionar… mais ou menos. É quinto da geral e segundo da Categoria 3, a cerca de seis segundos de Reis.

 

Luís Nunes (Seat Leon) mantém um ritmo muito forte é sexto da geral, terceiro da Categoria 3 e está a “ameaçar” Manuel Pereira, que apenas foi 0,7s mais rápido.

 

Se é certo que António Nogueira é um comandante com conforto na Categoria 2, é igualmente certo que dai para baixo está tudo muito incerto. Manuel Correia (Skoda Fabia S2000) está, em termos de geral a 0,75s de Luís Nunes, mas na categoria tem Edgar Reis (Porsche 997 GT3) a 0,2s, que por sua vez tem o Porsche 997 GT4 de Joaquim Teixeira completamente colado, a… isso mesmo: 0,2s!

 

José Pedro Gomes (Ford Escort MKII) continua a ditar lei na Categoria 4 e o principal adversário, Flávio Saínhas (Ford Escort MKI) fez mais 3,2 segundos. O terceiro dos clássicos é José Pedro Figueiredo, que com o Datsun 1200 está igualmente na frente da Taça 1300.

 

A última subida de prova decorre dentro de momentos e com as diferenças registadas vai ser, certamente, uma subida muito quente e não falamos unicamente de questões atmosféricas. 

 

102 GTI 4730 Rui Ramalho - Juno SSE - Foto de FOTO GTI

 

Classificação da 2ª subida de prova

POS
NUM
CONDUTOR
 
VIATURA
CAT 
PE 5
DIF 1º
102
RUI RAMALHO
 
JUNO
1
01:52,227
 
108
PAULO RAMALHO
 
JUNO
1
01:54,150
00:00:01,923
301
TIAGO REIS
 
FORD FIESTA RS
3
01:55,119
00:00:02,892
201
ANTÓNIO NOGUEIRA
 
PORCHE GT 2
2
01:56,364
00:00:04,137
348
MANUEL PEREIRA
 
MITSUBISHI EVO VI
3
02:01,125
00:00:08,898
325
LUÍS NUNES
 
SEAT LEON SUPER
3
02:01,825
00:00:09,598
244
MANUEL CORREIA
 
SKODA FABIA S200
2
02:02,580
00:00:10,353
203
EDGAR REIS
 
PORCHE 997 GT 3
2
02:02,796
00:00:10,569
202
JOAQUIM TEIXEIRA
 
PORCHE 997 GT 4
2
02:03,065
00:00:10,838
10º
323
JOSÉ CORREIA
 
SEAT LEON MK3
3
02:04,618
00:00:12,391

 

Periodicidade Diária

domingo, 16 de maio de 2021 – 10:15:09

Pesquisar

Como comprar fotos

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...