18 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

Campeonatos de Portugal da ANPAC regressam ao Estoril com quase 80 automóveis clássicos

Campeonatos de Portugal da ANPAC regressam ao Estoril com quase 80 automóveis clássicos
 
Os quatro campeonatos sob alçada da ANPAC vão levar no próximo fim de semana até ao Autódromo do Estoril cerca de 80 pilotos e máquinas clássicas, prolongando o êxito que as competições de clássicos têm conhecido em 2023.
A ANPAC volta a dar mostras de grande empenho na dinamização da velocidade nacional, organizando o ANPAC CLASSIC RACING apenas para as máquinas clássicas.
Como sempre, todas as corridas terão acompanhamento televisivo na página oficial da ANPAC na rede social Facebook.
 
Após o sucesso irrepetível da jornada de Vila Real, onde a Associação Nacional de Pilotos de Automóveis Clássicos (ANPAC) levou mais de 100 pilotos que deram espetáculo e justificaram o futuro das provas na pista transmontana, os quatro campeonatos de Portugal de automóveis clássicos vão regressar ao Autódromo do Estoril para disputar a quarta jornada dos Clássicos 1300, Clássicos, Legends e SuperLegends nos dias 16 e 17 de setembro.
Provando a seriedade do projeto ANPAC e sublinhando o esforço dos seus responsáveis para manter a Velocidade viva em Portugal, estão inscritos nas diversas competições 79 pilotos e máquinas que vão desafiar os 4,182 km do Autódromo do Estoril no ANPAC CLASSIC RACING. Uma organização da ANPAC.
 
Como sucedeu em Vila Real, cada Campeonato de Portugal terá a sua corrida separada, respondendo, assim, ao enorme interesse dos pilotos nas diversas categorias e ao desejo de competir “interpares”. A organização acedeu a esses anseios e depois de Vila Real, o Estoril também será palco de oito corridas que, certamente, estarão forradas de competitividade, emoção e espetáculo.
Fica o convite para o público comparecer nas bancadas do Autódromo do Estoril no sábado (16 de setembro) e no domingo (17 de setembro) para verem alguns dos mais espetaculares Clássicos do parque automóvel nacional de competição. Os quase 80 pilotos presentes prometem repetir o espetáculo dado na primeira passagem pelo Estoril e em Vila Real.
Sendo o ANPAC RACING CLASSIC uma prova exclusiva da ANPAC, esta quarta jornada dos campeonatos de Portugal sob a alçada da associação de pilotos de automóveis clássicos, o programa será muito compacto com verificações e Treinos Privados durante o dia de sábado e as sessões de Treinos Cronometrados e as Corridas a serem realizadas no domingo.
 
Luís Alegria e Jorge Marques dominam entre os 1300 
O Campeonato de Portugal de Velocidade 1300 tem conhecido domínio repartido. Luís Alegria (Datsun 1200) e Jorge Marques (Toyota Starlet 1300S) estão separados por apenas oito pontos à chegada Autódromo do Estoril. Uma competição muito renhida e que só será decidida, certamente, na derradeira jornada a disputar no Autódromo Internacional do Algarve.
 
Nos H71, Veloso Amaral (Hillman Imp) perdeu a liderança da competição para José Moreira (Datsun 1200) estando agora em segundo. Mas se olharmos para a Taça 1000, o piloto do Hillman Imp está na frente do Datsun 1000 de Miguel Barata. Já nos H75, Luís Alegria impõe o seu Datsun 1200 a Pedro Barbosa e Nélson Resende, ambos em Datsun 1200. Nos Legends, claro, impõe-se o Toyota Starlet de Jorge Marques, na frente de carro idêntico de João Costa Arantes e do Citroen AX Sport de Luís Mendes. Nos H81, o lindíssimo e diferente Austin Metro de Miguel Miguel destaca-se. Finalmente, entre os Fiat Punto do Desafio ANPAC, Pedro Teixeira não tem deixado os seus créditos por mãos alheias e domina na frente de António Alexandre e Paulo Azevedo.
 
Rui Costa lidera matilha de Ford Escort RS nos Clássicos
Entre os concorrentes ao Campeonato de Portugal de Velocidade Clássicos, o Porsche 911 RSR de João Macedo Silva tem estado algo frágil e impediu que o piloto concretizasse em pontos o excelente andamento demonstrado. Não espanta, por isso estar o poderoso carro germânico fora do pódio. Muito mais fiáveis, os bem preparados Ford Escort RS de Rui Costa e de João Novo lideram a competição de Clássicos, seguidos do Porsche 924 de Pedro Poças (que também está na frente dos H81 com Luís Delgado em segundo e Eduardo Santos em terceiro). João Macedo Silva consegue ser o segundo entre os H75 atrás de Rui Costa e na frente do Ford Escort de António Soares.
 
O líder da classe H71, Vítor Costa, não está inscrito no ANPAC RACING CLASSIC e deixa, assim, a porta aberta ao BMW 2800 CS de Domingos Coutinho para apoderar-se da liderança do campeonato.
Os Ford Escort RS 2000 dominam o Grupo 1 com Ricardo Pereira à frente de Nuno Breda. João Novo (Ford Escort RS) está na frente do Grupo 5, com o Ford Escort RS de João Cruz em segundo e o exótico Mazda RX2 Capella de Marco e Simplício Pinto a fechar o pódio.
 
Paulo Sousa e o BMW M3 dominam Legends
Paulo Sousa e o seu BMW M3 têm dominado os Legends: seis corridas, três “pole position”, seis voltas mais rápidas e seis vitórias! Ainda assim, Paulo Vieira (BMW M3) e Joaquim Soares (BMW M3) têm tentado dar luta ao piloto do M3 e, por isso, as contas do campeonato ainda não estão fechadas. Curiosamente, estes três pilotos ocupam, exatamente a mesma classificação, nos L99. 
 
Por seu turno, nos L90, o BMW M3 de José Meireles continua líder do campeonato na frente de Marco Basílio e Nuno Basílio. Três carros diferentes estão nos três primeiros lugares dos L2000: Honda Integra Type R de José Miguel Almeida, Peugeot 306 GTI de António Sarabando e Toyota Carina E de Arlindo Beça. Piloto que lidera a competição dos Legends Trophy na frente do Renault Spider Trophy de José Calazans e do Toyota Carina E de Rui Meireles.
 
Os Legends 1600 têm na frente do campeonato o Honda Civic de Ricardo Dinis, seguido de Gonçalo Novo, ao volante de um Peugeot 106 GTI e do Citroen Saxo de Miguel Matias.
 
Francisco Gonçalves é líder dos Super Legends
O Lotus Elise de Francisco Gonçalves, com cinco vitórias em seis corridas, está na liderança do Campeonato de Portugal de SuperLegends – e também da classe Super Extra - na frente de António Duarte e Telmo Nunes no Renault Clio RS que são, também, os líderes da categoria SuperTrophy. O Honda Civic de Filipe Ferreira é terceiro à geral e segundo na SuperTrophy na frente de Raúl Delgado e Estevão Oliveira igualmente em Honda Civic. 
 
Finalmente, nos SuperTurismo, Rui Silva na companhia de Marco Pinto Moura ao volante do Renault Clio RS. Porém, Marco Pinto é apenas terceiro da classificação, tendo à sua frente a dupla Valdemar Nóvoa e Luís Nóvoa, ao volante de um Honda Civic Type R.
 
Como sucede em todas as organizações da ANPAC – desta feita com a colaboração com o Motor Clube do Estoril – as corridas terão transmissão em “streaming” nas redes sociais da ANPAC (Facebook) e para seguir os tempos e as incidências de toda a atividade em pista, está disponível um “livetiming” que pode aceder em www.cronobandeira.com.
 
Horário ANPAC CLASSIC RACING
Domingo, 17 de setembro
09:00 – 09:25 – Qualificação (SuperLegends)
09:35 – 10:00 – Qualificação (Legends)
10:10 – 10:35 – Qualificação (1300)
10:45 – 11:00 – Qualificação (Clássicos)
11:30 – 11:55 – Corrida 1 (SuperLegends)
12:15 – 12:40 – Corrida 1 (Legends)
13:00 – 13:25 – Corrida 1 (1300)
13:45 – 14:10 – Corrida 1 (Clássicos)
15:10 – 15:35 – Corrida 2 (SuperLegends)
15:55 – 16:20 – Corrida 2 (Legends)
16:40 – 17:05 – Corrida 2 (1300)
17:25 – 17:50 – Corrida 2 (Clássicos)
 

Periodicidade Diária

sexta-feira, 19 de julho de 2024 – 19:08:49

Pesquisar

Como comprar fotos

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...