18 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

Filipe Albuquerque é quinto e decide título na última prova da temporada

Foi uma corrida difícil aquela que Filipe Albuquerque e Ricky Taylor viveram hoje em Indianapolis. A penúltima ronda do Campeonato Norte Americano de Resistência foi madrasta para os pilotos da Wayne Taylor Racing que viram o seu resultado condicionado logo no arranque, quando um pião de um adversário, os deixou presos na pista. O quinto lugar final, foi o resultado possível.
 
Coube a Ricky Taylor fazer o arranque e a determinação seria recuperar posições na primeira volta. Mas quis o destino que fosse exactamente o inverso a acontecer: “Quando algo nasce torto raramente se endireita. E foi assim o arranque. Um pião de um adversário mesmo à frente do Ricky deixou-o preso durante tempo suficiente para que todos os adversários ultrapassassem. Caímos literalmente para último. E daí em diante foi fazer o possível para recuperar lugares, numa luta quase inglória já que a corrida era demasiado curta”, explicou Filipe Albuquerque.
O piloto português entrou em pista na oitava posição, muito longe dos líderes, mas não se deu por vencido. Tinha de minimizar os estragos: “Fiz tudo o que consegui, arrisquei o que pude e depois de chegar a quinto, já não tinha como lutar pelo quarto lugar, até porque ele estava com uma margem confortável. Este quinto lugar faz-nos perder a liderança do campeonato, mas apenas por três pontos. Nada está perdido”, continuou.
 
Isto significa que a última corrida da temporada será uma verdadeira final: “Vai ser o tudo ou nada. Já estamos habituados a estes desafios. Espero é que este ano as coisas funcionem para o nosso lado”, rematou Filipe.
 
A derradeira prova serão as 10h de Petit Le Mans em Road Atlanta a 13 e 14 de outubro.
 

Periodicidade Diária

quarta-feira, 22 de maio de 2024 – 03:23:12

Pesquisar

Como comprar fotos

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...