18 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

Joel Rodrigues e Filipa Broeiro começam defesa dos títulos na Figueira da Foz

- Joel Rodrigues e Filipa Broeiro começam defesa dos títulos na Figueira da Foz
 
Não é mentira: dia 1 de Abril arranca o Circuito Nacional de Bodyboard Crédito Agrícola 2023, na Figueira da Foz, com os Joel Rodrigues e Filipa Broeiro a defender as lycras verdes Crédito Agrícola de campeões nacionais.
 
Joel Rodrigues é, apesar dos seus 18 anos, um valor seguro do bodyboard nacional, tendo-o provado com a conquista do título nacional em 2022 superiorizando-se à concorrência em Peniche, num contexto competitivo complicadíssimo em que oito homens podiam ter conquistado a camisola verde do Crédito Agrícola.
 
Para 2023, o discurso do atleta do Clube Naval Povoense é claro e tranquilo:
“Quero repetir o título e voltar, pelo menos, a vencer duas etapas. O ano passado venci em Leça e Peniche. Este ano queria uma época a papel químico da anterior. Quais quero vencer? Isso é irrelevante, não tenho preferências.”
 
Questionado acerca dos principais rivais para este ano, Joel foge a nomear alguém, recordando o que se passou em 2022:
“Há muita gente com capacidade de conquistar o título, basta ver o que aconteceu o ano passado em que, à última etapa, tivemos oito candidatos. Isto diz bem da qualidade e competitividade do Nacional, mas isso é que é bom.” 
 
Por seu turno, a campeã Filipa Broeiro, de 21 anos, não é tão assertiva na sua ambição, mas deixa entre linhas o que pretende para 2023:
“Não tenho grandes expectativas para este ano que não dar o meu melhor. Sei que se o conseguir, coisas boas vão acontecer. E depois, em paralelo, quero mostrar um bodyboard mais progressivo em competição.”
 
Relativamente ao circuito na sua globalidade, a bodyboarder do Ericeira Surf Clube elogia:
“Achei excelente termos cinco etapas, mais uma que o ano passado, e também gostei muito de ter uma prova em Sintra. Porque sou local da Praia Grande e porque tenho muito boas recordações competitivas ali [Filipa foi vice-campeã do Sintra Portugal Pro, etapa do Mundial em 2021]”
 
Falando especificamente do arranque do circuito, na Figueira, a campeã já é menos entusiástica: 
“Se for no Cabedelo, é uma onda um pouco desafiante para o meu estilo pois, por vezes, consegue ser um pouco mole e de difícil leitura. Mas gostava que tivéssemos sorte e apanhássemos o verdadeiro Cabedelo da Figueira da Foz.”
 
O presidente da Câmara Municipal da Figueira da Foz, Pedro Santana Lopes, também vê com agrado o regresso do CNBBCA à “rainha da Costa de Prata”:
“Receber na Figueira da Foz a 1ª Etapa do Circuito Nacional de Bodyboard é, sem dúvida, muito prestigiante. Temos acompanhado o crescimento da modalidade nas nossas praias, o bodyboard é uma atividade que está a ganhar cada vez mais adeptos e ser a cidade escolhida para o arranque do circuito é, para todos os figueirenses, uma grande alegria.”
 
O autarca figueirense acrescenta argumentos como o estímulo económico e desportivo deste arranque de época de bodyboard nacional no seu concelho:
“Um evento deste nível divulga o concelho, movimenta a economia, estimula o crescimento do bodyboard e fortalece ainda mais a posição da Figueira da Foz como um dos principais destinos para a prática dos desportos de deslize em Portugal. Esperamos ter um fim de semana com boas ondas para os atletas, dignas de uma etapa do circuito nacional.”
 
O Calendário
1a Etapa: 1/2 Abril - Figueira da Foz
2a Etapa 6/7 Maio - Santa Cruz
3a Etapa - 2/3 Setembro – Sintra
4a Etapa - 30 Set /1 Out - Matosinhos/Porto
5a Etapa - 4/5 Novembro - Peniche
 

Periodicidade Diária

sábado, 13 de julho de 2024 – 14:16:46

Pesquisar

Como comprar fotos

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...