16 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

Taça de Portugal Jogos Santa Casa - Luís Gomes triunfa em Albergaria e conquista a Taça

 

 

Luís Gomes (Kelly-Simoldes-UDO) ganhou hoje a Volta a Albergaria, resultado que lhe deu o triunfo na Taça de Portugal Jogos Santa Casa, que terminou com a prova de Albergaria-a-Velha. Francisco Marques (Sicasal/Miticar/Torres Vedras) impôs-se na geral dos corredores das equipas de clube.

 

Os 155,7 quilómetros, com partida e chegada em Albergaria-a-Velha, foram determinantes para encontrar o sucessor de Rui Costa como vencedor da Taça de Portugal Jogos Santa Casa. O percurso ondulado era propício a ataques e à marcação de diferenças e foi o que sucedeu.

 

Um primeiro grupo de fugitivos comandou a corrida até à última volta ao circuito, só que a passagem dos quilómetros e o ritmo forte do grupo principal condenaram os aventureiros iniciais ao insucesso.

 

Já na última volta, na primeira das duas subidas do perímetro de corrida, destacou-se um grupo com uma dezena de unidades. Fora deste lote ficou o comandante da Taça de Portugal à partida, Rafael Silva (Antarte-Feirense), permitindo que à frente se jogasse, simultaneamente, a Volta a Albergaria e a Taça de Portugal Jogos Santa Casa.

 

 

O gaiense Luís Gomes conseguiu o jackpot, impôs-se na corrida, com 3h47m11s, e conquistou a Taça de Portugal Jogos Santa Casa para corredores de equipas UCI. O pódio de Albergaria compôs-se com António Carvalho (Efapel) e Gonçalo Carvalho (Rádio Popular-Boavista), segundo e terceiro, respetivamente.

 

O espanhol Alberto Gallego (Rádio Popular-Boavista) venceu a classificação da montanha, Iuri Leitão (Tavfer-Measindot-Mortágua) ganhou as metas volantes e Fábio Costa (Efapel), 12.º na classificação absoluta, foi o melhor jovem. Por equipas impôs-se o Atum General-Tavira-Maria Nova Hotel.

 

Nas contas da Taça, Luís Gomes finalizou com 155 pontos, mais 47 do que o segundo classificado, Rafael Silva. Ricardo Vilela (W52-FC Porto) foi o terceiro, com 92. A W52-FC Porto venceu o ranking coletivo.

 

Entre os ciclistas das equipas de clube, o mais pontuado no somatório das três provas foi Francisco Marques, com 153 pontos. Ivo Pinheiro (Crédito Agrícola/Delta Cafés/Almodôvar) foi o segundo, com 125 pontos, e Diogo Narciso, companheiro do vencedor na Sicasal/Miticar/Torres Vedras, foi o terceiro, com 101. A Sicasal/Miticar/Torres Vedras ganhou por equipas.

 

Paraciclismo

 

O domingo amanheceu em Albergaria-a-Velha com a terceira prova da Taça de Portugal Jogos Santa Casa de Paraciclismo, que juntou 20 participantes, competindo antes do início da prova de ciclismo profissional.

 

 

Periodicidade Diária

sexta-feira, 17 de setembro de 2021 – 07:04:12

Pesquisar

Como comprar fotos

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...