15 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

Red Bull Cliff Diving World Series - Armada americana arrasa na estreia

 

No ano da estreia das senhoras na etapa portuguesa do Red Bull Cliff Diving World Series foram as americanas a monopolizar as atenções, com uma wildcard - Cesilie Carlton - a subir ao lugar mais alto do pódio. Em masculinos o britânico e atual defensor do título mundial - Gary Hunt - voltou a dominar mas teve de suar para fazer história, conquistando na final a quinta vitória da época em tantasoutras etapas. A competição regressa no próximo ano aos Açores. 

 

As oito melhores especialistas do mundo em saltos para a água de grande altura fizeram este fim-de-semana (17 e 18 de julho) a sua estreia numa das paisagens mais icónicas do Red Bull Cliff Diving World Series. O ilhéu de Vila Franca do Campo, ao largo da ilha de São Miguel foi assim conquistado por esta elite, reforçando desta forma o interesse desportivo da etapa açoriana que é hoje vista como um dos clássicos do calendário.

 

 

O domínio acabou por pertencer à “armada” americana,com a “wildcard” Cesilie Carlton a contrariar o favoritismo da sua compatriota Rachelle Simpson – que apesar de ter sido relegada para o quinto lugar mantém ainda o comando do campeonato, com o mesmo número de pontos de Carlton; “Nesta competição toda agente se encontra tão próxima,em termos exibicionais,que estar num diabom se revela determinante. Foi o que aconteceu. Apliquei-me ao máximoe acabou por me correr tudo bem. Estou muito feliz com este triunfo e adoreia minha passagem por Portugal”.

 

 

A mexicana Adriana Jimenez e a norte-americana Ginger Leigh Huber completaram o pódio feminino. 

 

Em masculinos o grande protagonista desta jornada acabou por ser Gary Hunt, sem dúvida o mais brilhante representante de uma nova geração de saltadores. Aos 30 anos Hunt, que estudou Criminologia antes de se dedicar profissionalmente aos saltos, acumula já quatro títulos do circuito mundial. Na presente época tem-se mostrado imbatível e os Açores não foram exceção à regra.

 

Mas esta quinta vitória do ano (em cinco etapas) esteve longe de ser um passeio para o britânico; “Comecei muito mal a competição e rapidamente percebi que a luta ia ser entre mime o Artem Silchenko. Um erro no meu primeiro salto acabou por tornar tudo muito mais duro. No final o sabor é ainda melhor, porque estou a concretizarum sonho de vencer todas as etapas”. Mesmo assim, Hunt preferecautela quando se fala no pentacampeonato; “Sei que estou próximo de o conseguir,mas ainda faltam três etapas e tudo pode acontecer”.

 

 

O mexicano Jonathan Paredes e o norte-americano Andy Jones completaram, respetivamente, o pódio, com este último a estrear-se neste registo.   

 

Sucedendo assim à Colômbia, França, Estados Unidos da América e Dinamarca, esta quinta paragem do mundial representa um autêntico regresso às origens da modalidade. Tal como acontecia nos primórdios há quase 300 anos, os atletas tiveram aqui a oportunidade única de saltar diretamente das rochas - o que destaca os Açores de todas as restantes etapas do circuito.

 

Para Vítor Fraga, Secretário Regional do  Turismo e Transportes do Governo dos Açores “este é um evento que se enquadraclaramente na aposta de construção e desenvolvimento sustentável de um destino turístico de sucesso. Estamos por isso muito satisfeitos, por voltar a acolher mais uma etapa da próxima edição do circuito mundial, no próximo ano”.

 

CALENDÁRIO|2015

25 abril        | Cartagena, COLÔMBIA

17 maio        | La Rochelle, FRANÇA

30maio        |Lago de Possum Kingdom, Texas, U.S.A. |COMPETIÇÃO MASCULINA E FEMININA

20 junho       | Copenhaga, DINAMARCA

18 julho        | S. Miguel, Açores, PORTUGAL|COMPETIÇÃO MASCULINA E FEMININA

15 agosto     | Mostar, BÓSNIA HERZEGOVINA

13 setembro| Polignano a Mare, ITÁLIA|COMPETIÇÃO MASCULINA E FEMININA

26 setembro  | Bilbao, ESPANHA

 

CLASSIFICAÇÃO GERAL 2015

 

MASCULINOS - APÓS 5 ETAPAS

1º Gary Hunt

UK

1000 pts

2º Orlando Duque

COL

590 pts

3º Blake Aldridge

UK

590 pts

4º Jonathan Paredes

MEX

449 pts

5º David Culturi

EUA

430 pts

6º Andy Jones

EUA

370 pts

7º Artem Silchenko

RUS

330 pts

8º Michal Navratil

CZ

180 pts

9º Steven LoBue

EUA

177 pts

10º Anatoliy Shabotenko

UCR

160 pts

FEMININOS - APÓS 2 ETAPAS

1º Rachelle Simpson

EUA

290 pts

2º Cesilie Carlton

EUA

290 pts

3º Ginger Huber

EUA

260 pts

4º Ana Bader

 GER

220 pts

4º Lysanne Richard

CAN

220 pts

6º Adriana Jimenex

MEX

  200 pts

7º Tara Tira

EUA

110 pts

8ºHelena Merten

AUS

70 pts

8º Yana Nestsjarava

BLR

70 pts

10º JacquelineValente

BRA

50 pts

 

Créditos fotográficos
Dean Treml | Red Bull Contentpool
Romina Amato | Red Bull Contentpool

 

 

 

 

 

 

 

Periodicidade Diária

quarta-feira, 28 de julho de 2021 – 04:42:58

Pesquisar

Como comprar fotos

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...