15 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

Red Bull Cliff Diving World Series - Campeões brilham em Itália

 

Norte-americana Rachelle Simpson renova título feminino

 

 

A classe dos campeões falou mais alto na penúltima etapa do Red Bull CliffDiving World Series,disputada no passado fim-de-semana(13 de setembro)na estância balnear de Polignano a Maré, em Itália, perante o olhar de 55 mil aficionados. A norte-americana Rachelle Simpson venceu e renovou o título feminino,enquanto o britânico GaryHunt voltou a impressionar como sexto triunfo em sete etapas. 

 

Depois do britânico Gary Hunt ter assegurado antecipadamente o título de 2015,o quinto da sua carreira,a penúltima etapa deste ano do RedBullCliffDivingWorldSeries decidiu no passado fim-de-semana(12 e 13 de setembro) a Campeã femininado circuito mundial de saltos para a água de grande altura. Com várias atletas empenhadas nesta luta, a ação decorreu no cenário idílico de Polignano a Mare, uma famosa estância balnear do Adriático italiano que é considerada por muitos como a “Meca” europeia da modalidade. Mais de 50 mil espectadores acompanharam de perto a competição, com as senhoras a saltarem de 20 metros de altura de uma plataforma montada numa varanda.

 

 

A norte-americana Rachelle Simpson acabou por convencer com uma vitória categórica,amealhando desta forma os pontos necessários para a renovação do título à frente das suas compatriotas Ginger Leigh Huber e Cesilie Carlton(esta última foi a vencedora da etapa portuguesa disputada nos Açores em julho passado):“Renovar o título é umobjetivo que consegui mas que ainda parece irreal,pois na verdade até comeceimal.Tive uma má saída na final,mas felizmente a entrada compensou e deu para vencer. Penso que não fiz os melhores saltos da etapa mas fui consistenteno seu conjunto e isso compensou!”.

 

 

Em masculinos as atenções voltaram a recair sobre os “suspeitos” do costume,como britânico Gary Hunt a conquistar a sua sexta vitória da época perante um júri que ficou rendido ao seu superior nível técnico: as cinco notas 10 que arrecadou provam que está mesmo muito próximo da perfeição.Nos restantes lugares do pódio o veteranoOrlando Duque mostrou que ainda tem muito para dar à modalidade, enquanto omexicano Jonathan Paredes confirmou-se como o melhor representante de umanova geração de saltadores.

 

A última etapa de 2015 do Red Bull Cliff Diving World Series viaja no próximo dia 26 de setembro até Bilbau, em Espanha, uma final com a ação centrada na pontede La Salve tendo como pano de fundo o célebre museu Guggenheim.    

 

 

CALENDÁRIO|2015

 

25 abril        | Cartagena, COLÔMBIA

17 maio        | La Rochelle, FRANÇA

30 maio        |Lago de Possum Kingdom, Texas, U.S.A. |COMPETIÇÃO MASCULINA E FEMININA

20 junho       | Copenhaga, DINAMARCA

18julho        | S. Miguel, Açores, PORTUGAL|COMPETIÇÃO MASCULINA E FEMININA

15 agosto     | Mostar, BÓSNIA HERZEGOVINA

13 setembro| Polignano a Mare, ITÁLIA|COMPETIÇÃO MASCULINA E FEMININA

26 setembro         | Bilbao, ESPANHA

 

 

CLASSIFICAÇÃO GERAL 2015

MASCULINOS - APÓS 7 ETAPAS

 

1º Gary Hunt

UK

1290 pts

2º Orlando Duque

COL

810 pts

3º Jonathan Paredes

MEX

779 pts

4º Blake Aldridge

UK

 690 pts

5º David Culturi

EUA

600 pts

6º Andy Jones

EUA

530 pts

7º Artem Silchenko

RUS

410 pts

8º Michal Navratil

CZ

400 pts

9º Sérgio Guzman

MEX

299 pts

10º Steven LoBue

EUA

247 pts

 

 

CLASSIFICAÇÃO GERAL 2015

FEMININOS - APÓS 3 ETAPAS

 

1º Rachelle Simpson

EUA

490 pts

2º Ginger Huber

EUA

420 pts

3º Cesilie Carlton

EUA

400 pts

4º Ana Bader

 GER

310 pts

4º Lysanne Richard

CAN

290 pts

6º Adriana Jimenex

MEX

  250 pts

7º Yana Nestsjarava

BLR

200 pts

8ºTara Tira

EUA

110 pts

9º JacquelineValente

BRA

110 pts

10º Helena Merten

AUS

70 pts

 

RED BULL CLIFF DIVING WORLD SERIES 2015

 

O Red Bull Cliff Diving World Series obedece a regras semelhantes aos saltos para a água olímpicos,com a principal diferença a residir no facto da plataforma ser montada a uma altura fixa de 27metros, proporcionando uma aceleração próxima do arranque de um F1: 0-100km/hora em menos de três segundos! O formato da competição inclui quatro rondas, sendo a avaliação dos saltos(saída, posição no ar e entrada na água) assegurada por um júri internacional de cinco elementos.

 

Desde 2009, o Red Bull Cliff Diving World Series tem proporcionado um desenvolvimento estruturado da modalidade, destacando os seus principais especialistas e dando ao mesmo tempo oportunidade a uma nova geração de atletas. Em 2014 a competição passou tambéma contar com o setor feminino. Para 2015 está prevista uma emocionante viagem entre abril e setembro,com passagem pela AméricaLatina,EstadosUnidos e Europa-coincidindo a derradeira etapa com a 50ª competição do circuito.

 

A LifeProof® é o parceiro oficial do circuito, garantindo a proteção dos telefones dos atletas enquanto estes enfrentam as mais duras condições dentro e fora de água.

 

Créditos fotográficos:

Romina Amato | Red Bull Contentpool

Periodicidade Diária

segunda-feira, 26 de julho de 2021 – 13:05:42

Pesquisar

Como comprar fotos

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...