15 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

Red Bull Cliff Diving World Series - Rachelle Simpson é a primeira mulher a receber o título mundial

Com o britânico Gary Hunt a brilhar mostrando que não foi por acaso que chegou antecipadamente ao título,os holofotes finais da edição deste ano do RedBullCliffDivingWorldSeries incidiram sobretudo numa figura feminina.A norte-americana RachelleSimpson conquistou no passado fim-de-semana(17deoutubro)na selva mexicana o primeiro título mundial da modalidade!

 

Mostrando que o Cliff Diving não é um desporto exclusivo para homens de barba rija, a despedida da época trouxe de volta o charme feminino - com seis atletas a darem um ar da sua graça nas escarpas da enigmática selva de Cenote, um recanto paradisíaco da península mexicana de Yucatán. A ação aconteceu no passado fim-de-semana(17/18 de outubro) e reuniu oito atletas de cinco países-Estados Unidos, México, Alemanha, Brasil e Canadá.

 

Depois de uma primeira aparição do quadro feminino na época passada, quase a título experimental, 2014 assinalou uma importante evolução - com presença em três das oito etapas do calendário e a atribuição do primeiro título mundial do Red Bull Cliff Diving World Series. Sete metros de altura – 27m contra 20m - separaram homens e mulheres nesta aventura acrobática.

 

No México a norte-americana de 26 anos Rachelle Simpson confirmou a sua superioridade técnica e arrasou a concorrência,juntando a conquista da sua terceira vitória consecutiva deste ano ao tão cobiçado título mundial; “Estou muito feliz por este momento e não tenho palavras para descrever o sentimento de ter na mão o primeiro título do circuito mundial. Confesso que de início estava bastante nervosa e cheguei a pensarque não ia chegar na frente, mas felizmente consegui e agora já penso em voltar a casa para começar a trabalhar na próxima época”. 

 

Destaque também para a prestação da atleta mexicana Adriana Jimenez que, juntamente com a alemã Anna Bader e a norte-americana Ginger Huber já garantiram a sua qualificação para 2015.

 

No quadro masculino, o britânico Gary Hunt veio ao México confirmar a sua liderança- deixando claro que o quarto título mundial que já trazia na bagagem não foi obra do acaso;“O meu plano funcionou na perfeição!Queria muito despedir-me daépoca em grande e vencer, por isso senti algum nervosismo na ponta da plataforma.Acho que ter perdido o título no ano passado deu-me a motivaçãopara evoluir e sem este estímulo não estaria aqui hoje”. 

 

Nas contas finais do campeonato, o norte-americano Steven LoBue - vencedor da etapa portuguesa do Red Bull Cliff Diving World Series nos Açores - terminou pela primeira vez no Top 3 numa justa recompensa para a sua melhor temporada de sempre.

 

CLASSIFICAÇÕES 2015|MACULINOS

1º Gary Hunt               GB       1.110 Pontos

2º Artem Silchenko      RUS         840 Pts

3º Steven LoBue          EUA         680 Pts

4º Orlando Duque        COL         660 Pts

5º David Colturi           EUA         610 Pts
6º Jonathan Paredes    MEX         590 Pts

7º Michal Navratil        CZE         570 Pts

8º Blake Aldridge         GB          560 Pts

9º Andy Jones              EUA         350 Pts

10º Kris Kolanus              PL               349 Pts       

 

 

CLASSIFICAÇÕES 2015 | FEMININOS

1º Rachelle Simpson    EUA      600 Pontos      

2º Anna Bader             GER    390 Pts

3º Adriana Jimenez      MEX    360 Pts(wildcard)

4º Ginger Leigh HuberEUA      330 Pts  

5º Tara Hyer-Tira        EUA     290 Pts(wildcard)

6º Cesilie Carlton         EUA      290 Pts

7º Jacqueline Valente   BRA      190Pts

8º Yana Nestsiarava    BL          60 Pts(wildcard)

9º Lysanne Richard      CA          50 Pts(wildcard)

 

Créditos fotográficos

Romina Amato | Red Bull Contentpool

Dean Treml | Red Bull Contentpool

Periodicidade Diária

segunda-feira, 26 de julho de 2021 – 14:18:19

Pesquisar

Como comprar fotos

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...