15 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

Lisboa decide Campeões Nacionais

No próximo domingo os Jardins da Torre de Belém voltam a receber a animação própria de uma prova de Triatlo. No total serão três as provas que integram o programa do II Triatlo Lisboa, todas elas agendadas para a manhã de domingo e que irão reunir mais de 450 atletas. De entre elas, destaque natural para a derradeira etapa do Campeonato Nacional Individual. Uma competição que, no sector masculino, terá em Duarte Marques (CD “os Águias” de Alpiarça) o seu vencedor mas que se mantém completamente em aberto no que à luta pelos lugares do pódio diz respeito. Por outro lado, na competição feminina, tudo pode acoe ntecer. Disputadas que estão duas etapas, é Cecília Shinn quem lidera, com 265 pontos. No entanto, como Anaís Moniz e Liliana Alexandre possuem, cada uma delas, uma pontuação máxima e deverá ser nelas que se centrará a luta pelo título.

Na sua segunda edição, este Triatlo de Lisboa regista um número recorde de participações. O programa de evento arranca com a disputa da terceira, e última, etapa do Campeonato Nacional de Juvenis de Aquatlo. Uma prova composta de 300 metros de natação e 2000 metros de corrida. Nesta competição, que passou por Coruche e Pedorido, não restam dúvidas quanto aos nomes dos vencedores: serão Miguel Cassiano e Alexandra Santos (ambos do CD "os Águias" de Alpiarça), uma vez que somam já duas pontuações máximas (recorde-se que são consideradas as duas melhores pontuações averbadas nas três etapas). Assim sendo, a atenção vai centrar-se na luta pelos lugares do pódio.

Pelas 10.00 é a vez de um pelotão com 200 atletas se lançar ao Rio Tejo para dar inicio à Prova Aberta, um Triatlo composto por 300 metros de natação, 8Km de ciclismo e 2km de corrida, dirigidos principalmente a quem faz as primeiras experiências na modalidade. Nesta prova, como em todas as outras, a Partida e o Parque de Transição estarão instalados junto à Fundação Champalimaud. Os percursos de ciclismo e de corrida levarão os atletas na direcção de Lisboa para finalmente, junto à Torre de Belém, cruzarem a linha de meta.

A derradeira prova do programa será a prova pontuável para o Campeonato Nacional Individual. Uma competição que arrancou no mês de Maio em Montemor-o-Velho, passou por Aveiro no passado mês de Setembro, e que termina com o Triatlo de Lisboa. A classificação final resultará da soma das duas melhores pontuações obtidas ao longo das três etapas. Com duas pontuações máximas (150 pontos) obtidas nas duas etapas disputadas, Duarte Marques é já o virtual Campeão Nacional 2012, um título que junta aos de Triatlo Longo e Aquatlo que obteve na presente temporada, e não marcará presença em Lisboa.

Desta forma, a luta estará centrada na luta pelos lugares de pódio. Miguel Arraiolos (CD "Os Águias" de Alpiarça), Pedro Araújo Mendes (Alhandra SC) e João Serrano (Garmin Olímpico de Oeiras) são quem se perfila para estar nesta luta. Outro dos motivos de interesse na prova está relacionado com o facto de diversos atletas do escalão júnior, que não participaram nas anteriores etapas do Nacional, estarem inscritos em Lisboa e poderem intrometer-se na luta pelas primeiras posições e até roubar pontos aos atletas que estão na luta pela classificação. Exemplos disso são Filipe Azevedo (Garmin Olímpico de Oeiras), Francisco Machado (CN Colégio Vasco da Gama), João Ferreira (CD "Os Águias" de Alpiarça), Ricardo Calado (CD "Os Águias" de Alpiarça) e diversos outros.

Bem diferente é o cenário na competição feminina. À entrada para esta terceira etapa é Cecília Shinn quem lidera, possuindo 265 pontos (125 obtidos em Montemor-o-Velho e 140 em Aveiro). No entanto, como esta pontuação corresponde já a duas etapas, a atleta do Garmin Olímpico de Oeiras apenas poderá melhorar ligeiramente as suas pontuações. Já Anaís Moniz (Sport Lisboa e Benfica) e Liliana Alexandre (Alhandra SC) apenas terminaram uma prova, mas averbaram os 150 pontos máximos. O que significa que nesta terceira e última etapa têm margem para decidir entre elas o título nacional. Ainda que não esteja na luta pelo título nacional (por possuir nacionalidade Sueca) a atleta do Sporting Clube de Portugal, Katarina Larsson, deverá disputar as primeiras posições. Tal, como sucede na competição masculina, também a prova feminina contará com várias atletas mais jovens que ali farão a primeira experiência na distância mas que, pela sua qualidade, poderão conseguir estar nas primeiras posição. Será certamente o caso de Melanie Santos (Alhandra SC), Andreia Ferrum (CD "Os Águias" de Alpiarça), Sara Tenrinho (CD "Os Águias" de Alpiarça) e Ana Ramos (CAPGE)

Considerando ainda que estarão em competição cerca de 400 atletas, o Secretariado estará em funcionamento entre as 17:30 e as 19:00 de sábado junto ao Parque de Transição.

Este II Triatlo de Lisboa é uma organização da Federação de Triatlo de Portugal com o apoio da Câmara Municipal de Lisboa.
  

Periodicidade Diária

terça-feira, 22 de junho de 2021 – 02:34:39

Pesquisar

Como comprar fotos

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...