16 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Gastronomia

Queijadas de Sintra e Fofos de Belas em votação para as 7 Maravilhas Doces de Portugal

 

Está a decorrer hoje, dia 14 de agosto, na RTP, a apresentação das 7 Maravilhas de Lisboa, que incluem os Fofos de Belas e as Queijadas de Sintra, ainda pode votar nos seus doces preferidos, para votar nas Queijadas de Sintra ligue 760 107 126 e nos Fofos de Belas ligue 760 107 121.

 

O Painel de Especialistas identificou os 140 doces nomeados que avançam na eleição das 7 Maravilhas Doces de Portugal®, que correspondem a 7 doces por distrito e região autónoma.

 

Este Painel de Especialistas é constituído por 140 personalidades, 7 de cada distrito e regiões autónomas. Recorde-se que a organização recebeu 907 candidaturas, num envolvimento sem precedentes de todo o país.

Estes 140 doces vão ser votados pelo público em 20 programas de daytime, a emitir em direto pela RTP, de 2 julho a 16 agosto. De cada programa na RTP sai um pré-finalista que passa às semifinais.

 

Uma novidade desta edição é a existência de um Grande Júri, órgão de deliberação constituído por 7 figuras do espaço mediático, que será responsável pela repescagem de 8 candidatos que se irão juntar aos 20 pré-finalistas apurados pelo público, resultando numa lista de 28 pré-finalistas.

 

Os 28 pré-finalistas são divididos por sorteio pelas duas semifinais, nos dias 24 e 31 de agosto, em cada semifinal são apurados os 7 doces, aqueles que tiverem mais votos contabilizados.

 

A Gala Final decorre a 7 de setembro na RTP1 em horário nobre, e dos 14 finalistas apurados vão ser eleitos pelos portugueses 7 doces como 7 Maravilhas de Portugal®.

 

Mais informações em https://7maravilhas.pt/

 

"Inocente" é o mais recente restaurante do COOKOO - The Kitchen Hub

 

 

Agora já pode encomendar jantar para casa, mais leve, mais saudável e sem culpas

“Inocente” é o mais recente restaurante do COOKOO – The Kitchen Hub

 

O kitchen hub COOKOO acaba de lançar mais um restaurante, com opção de entrega em casa ou takeaway.

“Inocente” pretende surpreender os adeptos da contagem de calorias e da barriga lisa, com receitas que têm tanto de sabor, como de nutrientes. 

 

Inocente junta-se aos já conhecidos Rosita(Tacos y Burritos), Tortto(Trattoria),  Crudo(Fish Bar) e Zao(Sushi), alargando a oferta deste recente e pioneiro hub que chegou para acabar com as indecisões no momento de encomendar jantar para casa: cada um pede o que quer, todos comem ao mesmo tempo!

 

Um mês após a inauguração do COOKOO – The Kitchen Hub, que reúne diferentes tipos de restaurantes num só espaço (e que permite encomendar italiano, sushi, mexicano e muito mais, num só pedido, para a mesma morada e com entrega gratuita), a promessa é cumprida e surge um novo restaurante, um novo menu, pensado para o verão e para os adeptos de comida saudável e sem culpas.

 

“No Inocente reinventámos receitas para conseguir um menu ‘guloso’, mas com menos culpa, ou seja, com menos calorias”, assegura o Chef Manel Perestrelo. Das saladas aos bowls de quinoa, da lasanha de vegetais aos Veggie Nuggets, do Crispy Salmon aos Pokés, o novo Inocente tem um mix de oferta low carb, vegetariana, mas também é rico em proteínas com a introdução de pratos de carne e peixe.

 

O menu do Inocente já está disponível para encomenda das 19h às 23h, apenas em Lisboa, através da APP (IOSe Android) e do site www.cookoo.pt, ou para take away, que pode ser levantado diretamente no hub.

 

Morada: Rua João de Freitas Branco 16G Loja D, 1500-359 São Domingos de Benfica

 

 

Portimão - Festival da Sardinha bate recordes com 100 mil visitantes em cinco dias

 

 

Cerca de cem mil pessoas passaram pela 25ª edição do Festival da Sardinha, que encheu de animação a zona ribeirinha de Portimão entre 7 e 11 de agosto.

 

Em jeito de balanço, a presidente da Câmara Municipal de Portimão, Isilda Gomes, considerou que foram “cinco dias extraordinários, com uma participação do público fora do comum”, confessando: “Nunca esperei ter tanta gente a visitar o Festival, o que esgotou em várias ocasiões a quantidade de sardinha disponível.

 

Isilda Gomes entende que o evento “foi um enorme sucesso, para mais se nos lembrarmos que no ano passado tivemos 50 mil visitantes, um número mais que duplicado nesta edição”. “Essa dimensão, só por si, já atesta o sucesso do festival, que ultrapassou as nossas melhores expetativas”, sublinha a autarca.

 

O novo formato adotado e o local onde decorreu, num regresso às origens, explicam em boa medida a quantidade de pessoas que visitaram o certame. Nestas noites, encontrei inúmeros portimonenses bastante orgulhosos, elogiando a decisão de mudarmos de espaço, muito mais amplo e seguro, onde as famílias podem passear tranquilamente. Acredito que foi uma aposta ganha, para o que muito concorreu o cartaz musical e o empenho do movimento associativo, cujas coletividades a assar sardinha tiveram as mesas sempre preenchidas”, explica a presidente, que também destaca as pastelarias locais a concorrer às 7 Maravilhas Doces de Portugal, entre outros motivos de interesse, como os palcos secundários, o Petinga Park e o artesanato.

 

 

Do seu ponto de vista, o Festival da Sardinha 2019 “constituiu uma mostra magnífica do melhor que Portimão tem para oferecer a quem nos visita, o que nos obriga a elevar a fasquia na próxima edição”. Levantando um pouco o véu, Isilda Gomes adianta que o certame gastronómico manter-se-á no mesmo espaço, “que melhorou exponencialmente as condições de visitantes e de expositores”. “Vamos querer trazer mais gente, sobretudo artesãos, e promover novos pontos de atração para o público, com músicos e grupos de referência, tornando o local mais atrativo e aprazível, sempre com a boa sardinha assada como ponto de referência”, defende a presidente.

 

Por fim, Isilda Gomes faz questão de dirigir “uma palavra de carinho para a fantástica equipa que, nos bastidores, não se poupou a esforços para levantar e manter o Festival da Sardinha nos mais altos padrões de qualidade, ao longo de cinco dias que, seguramente, marcaram de forma muito positiva o início de agosto na região algarvia.

 

Fotos - Filipe da Palma / Câmara Municipal de Portimão

 

 

Casino Estoril propõe jantar temático dedicado ao Algarve a 14 de Agosto

 

O Buffet Clube IN do Casino Estoril tem uma nova proposta temática, agendada para a próxima Quarta-Feira, 14 de Agosto. Trata-se de um Jantar especial dedicado, desta vez, à melhor gastronomia algarvia. O encontro está marcado no Buffet Clube IN, a partir das 19h30.

 

Os visitantes do Casino Estoril poderão, assim, experimentar as mais genuínas especialidades do Algarve, uma região com largas tradições gastronómicas.

 

 

Buffet Clube IN do Casino Estoril - Algarve:

Quentes

- Sopa de Peixe à Algarvia

- Bife de Atum de Cebolada

- Feijoada de Marisco

- Favas à Algarvia

- Cabrito Assado à Bicho

 

Frios

- Espelho com Charcutaria Diversa da Região

- Saladas Simples e Compostas

 

Sobremesas

- Doces Tradicionais da Região

- Fruta Diversa da Época

 

Bebidas

- Vinhos: 1/2 Garrafa de Vinho Branco ou Tinto

- 2 Imperiais, 2 Águas ou 2 Refrigerantes

 

Com um moderno layout, o acolhedor espaço do Buffet Clube IN dispõe de, aproximadamente, 90 lugares. Todos os dias, das 19h30 às 23h00. Preço: 16 euros.

 

 

Portimão - Festival da Sardinha abre com enchente histórica

 

 

Mais de 25 mil pessoas passaram ontem à noite pela zona ribeirinha de Portimão, aquando da abertura do 25º Festival da Sardinha, que decorre até ao próximo domingo, 11 de agosto, com inúmeros motivos de interesse.

 

 

Entre esse autêntico mar de gente que visitou o certame, e que passa a constituir um máximo histórico, destaque para a presença do Primeiro-Ministro, António Costa, que, de férias no Algarve, não quis perder a oportunidade para saborear as sardinhas assadas na brasa, acompanhadas de batata cozida e salada à algarvia, ex-libris gastronómico de Portimão.

 

 

Também estiveram presentes a ministra do Mar, Ana Paula Vitorino, o ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, o secretário de Estado das Pescas, José Apolinário, e os deputados João Vasconcelos, Jamila Madeira, Ana Passos e Luís Graça, entre outras figuras.

 

 

Momento alto da noite foi a atuação dos Amor Electro no palco principal do certame, tendo os largos milhares de fãs presentes homenageado o baterista da banda, Rui Rechena, falecido horas antes.

 

 

Este ano, o Festival da Sardinha transitou para uma área privilegiada, junto ao Clube Naval de Portimão, a qual proporciona melhores condições, quer para o público, quer para os espaços de venda de artesanato, doçaria e outros produtos, assim como para os pontos de venda de sardinha assada e petiscos tradicionais.

 

Em termos de cartaz principal, esta noite atua Bárbara Bandeira, seguindo-se amanhã Marco Rodrigues, no sábado C4 Pedro e no último dia do Festival os Expensive Soul, estando todos os espetáculos agendados para as 22h00, com entrada livre.

 

A programação completa do 25º Festival da Sardinha de Portimão poderá ser consultada em www.festivaldasardinha.pt

 

Fotos - Filipe da Palma / Câmara Municipal de Portimão

 

 

Real Marina Hotel & Spa está presente em mais uma edição do Festival do Marisco em Olhão

 

Em parceria com a Câmara Municipal de Olhão e com a Companhia de Pescarias do Algarve, o Real Marina Hotel & Spa irá estar presente mais um ano no Festival do Marisco de Olhão, que decorre entre os próximos dias 9 e 14 de Agosto de 2019.

 

O Real Marina Hotel & Spa irá ter uma vez mais um espaço de refeições próprio com lugares sentados, onde os chefs do Grupo darão azo à imaginação e criar pratos com os ingredientes mais frescos da Ria Formosa a que este emblemático festival já nos habituou. Os petiscos servidos terão um valor a partir de 9,00€ e poderá encontrar Creme de lavagante com citronela, Mexilhão ao natural com alho e coentros, Ostras ao natural com vinagre de chalotas e lima, Tempura de ostras com salada de legumes crocantes e molho de wasabi, Salteado de lingueirão com tomate e piri píri, Casco de sapateira, Arroz de marisco, Salada de polvo em vinagrete, Risoto de mexilhão, Hambúrguer de salmão em bolo do caco com tinta de choco, Hambúrguer de bacalhau em bolo do caco de tomate, entre outras iguarias. Para além do espaço com lugares sentados, algumas destas iguarias também irão estar disponíveis para take away.

 

Este ano a grande novidade, promovida pela Câmara Municipal de Olhão, é um menu especial preparado ao vivo e servido ao momento pelos chefs no coreto do Jardim dos Pescadores, numa mesa exclusiva para 9 pessoas, entre os dias 9 e 14 de Agosto.

 

Por cada um dos dias haverá um chef representativo de algumas das unidades do Grupo Hotéis Real, o dia 11 de Agosto será o dia do chef do Vila Monte Farm House e o dia 13 será representado pela equipa Olímpica de Culinária.

 

O valor deste menu exclusivo é de 60€ por pessoa com bebidas incluídas, dos quais 50% reverte para instituições de solidariedade do concelho de Olhão, sendo elas sorteadas diariamente entre a ACASO, a Cruz Vermelha Portuguesa de Olhão, a Santa Casa da Misericórdia de Olhão, a Casa do Povo do Concelho de Olhão,  a Sociedade S. Vicente de Paulo – Quelfes e a Associação Vida Abundante.

 

O menu do Grupo Hotéis Real é composto por um Creme de amêijoas aromatizado com gengibre fresco e guiosas de camarão, por uma Salada de abacate com gaspacho, tártaro de lavagante e trufas, crocante de azeitona preta, por um Mini hambúrguer de vieira, ostra gratinada, sapateira desfiada e risotto de bivalves, terminando com um Mini pastel de nata, leite creme de alfarroba, torta de laranja com molho de citrinos.

 

Entre os dias 9 e 14 de Agosto no Festival do Marisco de Olhão poderá ainda ouvir a melhor música com os melhores artistas: 9 Agosto com Matias Damásio e Aurea, 10 de Agosto com HMB, 11 de Agosto com Killer Queen, 12 de Agosto com Paula Fernandes, 13 de Agosto com Ludmilla e 14 de Agosto com Resistência.

 

Reservas para jantar no espaço do Real Marina Hotel & SPA:

Telefone: 289 091 300

Email: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

Festival do Marisco de Olhão 2019

Jardim do Pescador Olhanense

Avenida 5 de Outubro

8700-306 Olhão

 

Ministra do Mar inaugura Festival da Sardinha

 

 

A ministra do Mar, Ana Paula Vitorino, vai inaugurar esta quarta-feira,7 de agosto, a 25ª edição do Festival da Sardinha, que decorre na zona ribeirinha de Portimão até ao próximo domingo, dia 11.

 

A receção aos convidados está marcada para as 19h00 no Jardim 1º de Dezembro, com animação musical e arruada até ao recinto do evento, a cargo da Banda da Sociedade Filarmónica Portimonense e da Fanfarra dos Bombeiros Voluntários de Portimão, a que se seguirá visita ao certame e jantar típico/sardinhada.

 

PROGRAMA DA ABERTURA

 

18h30- Animação musical

19h00– Receção aos convidados

19h30– Arruada até ao recinto do Festival, com atuação da Banda da Sociedade Filarmónica Portimonense e da Fanfarra dos Bombeiros Voluntários de Portimão

(Local: Jardim 1º de Dezembro)

 

- Abertura oficial do 25º Festival da Sardinha

- Visita ao certame

- Jantar típico/sardinhada.

(Local: Zona Ribeirinha de Portimão)

 

Toda a programação do 25º Festival da Sardinha de Portimão pode ser consultada em www.festivaldasardinha.pt

 

Portimão - Festival da Sardinha tem propostas para toda a família até domingo

 

A partir desta quarta-feira,7 de agosto, e até ao próximo domingo, dia 11, a sardinha assada volta a ser reinar na zona ribeirinha de Portimão, em cinco noites de boa comida e muita animação, numa festa de cariz popular que marca o Verão algarvio desde a década de 1980.

 

Para dar o mote a um dos mais famosos certames gastronómicos da região, teve lugar hoje de manhã uma recriação da descarga da sardinha que evocou as atividades ligadas à faina dos homens do mar e que atraiu alguns milhares de espetadores, muitos deles estrangeiros, tendo culminado numasardinhada popular. Este programa integrou a emissão especial “Festa da Sardinha”, transmitida em direto de Portimão pela RTP 1 ao longo do dia.

 

O arranque do 25º Festival da Sardinha está marcado para as 18h30 de amanhã, 7 de agosto, decorrendo a abertura oficial no Jardim 1º de Dezembro, com animação musical e arruada até ao recinto do evento, a cargo da Banda da Sociedade Filarmónica Portimonense e da Fanfarra dos Bombeiros Voluntários de Portimão, a que se seguirá visita ao certame e jantar típico/sardinhada.

 

Até domingo, 11 de agosto, as rainhas da festa, acompanhadas com batata cozida e salada à algarvia, podem ser degustadas num dos restaurantes parceiros do festival- À Ravessa, Casa Bica, Dona Barca, Forte e Feio, O Meco, Peixarada, Retiro do Peixe Assado, Ú Venâncio e Zizá, com mais de dois mil lugares sentados

 

Uma das novidades desta edição é o facto de o recinto do Festival transitar para uma zona próxima do Clube Naval de Portimão, onde os grelhadores voltam a perfumar os ares com o característico aroma das sardinhas assadas na brasa, que poderão ser degustadas, no prato ou numa fatia de pão, nos pontos de venda a cargo das seguintes coletividades locais: Boa Esperança, Clube União, Gejupce e Alvorense. O ‘prato festival’ custará 8,50 euros, com cinco sardinhas assadas, pão, batata cozida e salada à algarvia, sem bebida. Estes quatro espaços assegurarão outras propostas e petiscos alternativos à sardinha, a par dos expositores de agroalimentar que tomam parte no evento.

 

MÚSICA E ANIMAÇÃO

 

No Palco Principal, que este ano será montado junto ao Clube Naval, irá dominar a boa música, sempre a partir das 22h00, com o seguinte alinhamento: 7 de agosto - Amor Electro; 8 de agosto - Bárbara Bandeira; 9 de agosto - Marco Rodrigues; 10 de agosto - C4 Pedro; 11 de agosto - Expensive Soul.

 

Mas toda a zona ribeirinha da cidade, entre o Museu de Portimão e a área entre pontes, estará repleta de outros motivos de interesse, do artesanato à doçaria, com muita animação de rua e música a cargo de bandas e artistas da terra, que atuarão no Jardim 1º de Dezembro (18h30 às 19h30), no Coreto da Praça Manuel Teixeira Gomes (19h30 às 20h30) e no Palco Sardinha, na zona de restauração (20h30 às 21h45).

 

Junto à antiga Lota de Portimão, o Petinga Park proporcionará, entre as 18h30 e as 24h00, um espaço inteiramente dedicado às famílias, com insufláveis e atividades diversas para todos, totalmente gratuitas, sem esquecer a roda gigante, com 38 metros de altura, que domina a paisagem.

 

Realce ainda para o facto de o Museu de Portimão adaptar o seu horário de funcionamento nas datas do festival, abrindo portas de quarta-feira a domingo entre as 15h00 e as 23h00, sendo que no último dia do Festival a entrada será livre das 15h00 às 19h00. De referir que a mostra “Passear pela História” será inaugurada às 19h00 de 10 de agosto na Praça Manuel Teixeira Gomes, onde ficará patente até 29 de setembro.

 

O Festival da Sardinha é uma organização da Câmara Municipal de Portimão, em parceria com a Administração dos Portos de Sines, Junta de Freguesia de Portimão, EMARP – Águas e Resíduos de Portimão, Algar e Zomato, tendo o patrocínio da Sagres, Delta Cafés e Socialgar Seguros, e o apoio do Turismo do Algarve, enquanto a Alvor FM será a rádio oficial.

 

PROGRAMA MUSICAL

 

Palco Principal(22h00)

Junto ao Clube Naval de Portimão

Dia 7 - Amor Electro

Dia 8 - Bárbara Bandeira

Dia 9 - Marco Rodrigues

Dia 10 - C4 Pedro

Dia 11 - Expensive Soul

 

Música no Jardim(18h30-19h30)

Jardim 1.º de Dezembro, em frente ao Teatro Municipal de Portimão

Dia 7 - Baterias, baixos e companhias, direção musical de Vasco Ramalho e Bruno Vítor

Dia 10 - Duo da Orquestra de Jazz do Algarve

Dia 11 - Agrupamento de Música de Câmara da Orquestra Clássica do Sul

 

Música no coreto(19h30-20h30)

Coreto da Praça Manuel Teixeira Gomes

(Iniciativa conjunta com a Junta de Freguesia de Portimão)

Dia 7 - Pinto & Vitor

Dia 8 - Vasco Ramalho Trio

Dia 9 - Renato Reis

Dia 10 - Laundge Sax

Dia 11 - Simple Song Band

 

Palco Sardinha(20h30-21h45)

Zona de restauração junto ao palco principal (recinto do Festival)

Dia 7 - Eduardo Viegas (música luso-brasileira)

Dia 8 - Brasa Doirada (grupo musical de cante alentejano)

Dia 9 - Os Compotas (groove efunk)

Dia 10 - João Leote (fado)

Dia 11 - Nuno Duarte (acordeão)

 

Toda a programação do 25º Festival da Sardinha de Portimão poderá ser consultada em www.festivaldasardinha.pt

 

 

Dom Alimado - O Cozido à Portuguesa vai de férias, mas promete regressar em Setembro

 

Já são habituais os menus temáticos no Dom Alimado e a quinta-feira é famosa pelo seu delicioso Cozido à Portuguesa, no entanto tal como muitos dos portugueses o nosso cozido também vai de férias em Agosto, dando lugar aos nossos saborosos grelhados no showcooking! O cozido promete regressar no dia 5 de Setembro, delicioso como sempre.

 

No entanto quem não tira férias este ano é o nosso Brunch Buffet aos Domingos, sempre com animação para os mais novos, deliciosas panquecas e ovos benedict e o nosso Buffet do Pescador com Mariscos e Peixes inspirados nos pratos típicos algarvios.

 

Negrais recebe Festival do Leitão

 

O Festival do Leitão de Negrais, uma iniciativa organizada pela Câmara Municipal de Sintra e União de Freguesias de Almargem do Bispo, Pero Pinheiro, e Montelavar, realiza-se de 26 a 28 de julho, no Largo do Rossio, nos Negrais.

 

Este festival tem por objetivo a promoção do leitão como produto gastronómico, embaixador de costumes e tradições e um dos suportes económicos da atividade empresarial da freguesia pelo público em geral.

 

Este evento conta com a participação dos vários restaurantes e pontos de venda a retalho que em Negrais se dedicam à preparação tradicional desta famosa iguaria sintrense.

 

Horário:

Dia 26 de julho – sexta feira - das 18h00 às 24h00

Dia 27 de julho – sábado – das 12h00 às 24h00

Dia 28 de julho – domingo - das 12h00 às 22h00

 

Portimão - Festival da Sardinha arranca com reconstituição histórica e novidades no recinto

 

 

De 7 a 11 de agosto, a sardinha volta a ser a rainha da festa na zona ribeirinha de Portimão, em cinco noites de boa comida e muita animação musical, numa festa de cariz popular que marca o Verão algarvio e que no ano passado atraiu 50 mil visitantes em recinto aberto.

 

Antes, no dia 6 de agosto, véspera da abertura oficial do certame, está agendada uma grande surpresa: será feita uma reconstituição histórica da descarga da sardinha, na qual participarão grupos de teatro locais, em conjunto com o Museu de Portimão. Esta viagem ao passado, com trajes, dizeres e meios de transporte de há largas décadas, contará com uma mega sardinhada popular, integrada num programa “Festa da Sardinha” que será dinamizado com a RTP1, e que nesse dia será transmitido em direto de Portimão a partir das 10h00.

 

A 7 de agosto arranca um dos maiores certames gastronómicos do Algarve, durante o qual as rainhas da festa, acompanhadas com batata cozida e salada à algarvia, podem ser degustadas num dos sete restaurantes parceiros do festival: À Ravessa, Casa Bica, Dona Barca, Forte e Feio, O Meco, Retiro do Peixe Assado, Ú Venâncio e Zizá. Todos os estabelecimentos exibirão nas respetivas entradas a insígnia “Aqui há Sardinha!”, disponibilizando mais de dois mil lugares sentados para degustar este ex-libris portimonense.

 

Uma das novidades desta edição é o facto de o recinto transitar para uma zona próxima do Clube Naval de Portimão, de forma a solucionar alguns condicionamentos de espaço que se verificaram em anteriores edições. Será aí que irá dominar a boa música e animação, sempre a partir das 22h00, com o seguinte alinhamento: 7 de agosto - Amor Electro; 8 de agosto - Bárbara Bandeira; 9 de agosto - Marco Rodrigues; 10 de agosto - C4 Pedro; 11 de agosto - Expensive Soul.

 

Será ainda e justamente nesta zona que terá lugar outra das novidades deste ano: a possibilidade de a Sardinha no prato e no pão ser consumida no recinto do Festival, onde funcionarão quatro pontos de venda, a cargo das coletividades locais Boa Esperança Atlético Clube, Clube União Portimonense, Gejupce e Grupo Desportivo e Recreativo Alvorense.

 

Festival alia tradição e animação para toda a família   

  

Toda a zona ribeirinha da cidade, entre o Museu de Portimão e a zona entre pontes, estará repleta de motivos de interesse, do artesanato à doçaria, com muita animação de rua e música a cargo de bandas e artistas da terra,em quatro locais distintos – no palco sardinha, em plena zona de restauração do recinto do festival, a anteceder os concertos no palco principal, no coreto da Praça Manuel Teixeira Gomes, no Jardim 1º de Dezembro e no “Petinga Park”, junto à antiga lota, onde os mais pequenos poderão desfrutar a título gratuito de insufláveis e diversas atividades lúdicas. Também no recinto do Festival será possível apreciar as margens do rio Arade, a zona ribeirinha de Portimão e o centro da cidade subindo a 38 metros de altura na roda gigante.

 

O Festival da Sardinha 2019 é uma organização da Câmara Municipal de Portimão, em parceria com a Administração dos Portos de Sines, Junta de Freguesia de Portimão, EMARP – Águas e Resíduos de Portimão, Algar e Zomato, tendo o patrocínio da Sagres, Delta Cafés e Socialgar Seguros, e o apoio do Turismo do Algarve, enquanto a Alvor FM será a rádio oficial.

 

Toda a programação do Festival da Sardinha poderá ser brevemente consultada em www.festivaldasardinha.pt.

 

 

Periodicidade Diária

sábado, 25 de junho de 2022 – 08:48:32

Pesquisar

Como comprar fotos

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...